Comentários
Laisa Silva Laisa Silva Author
Title: [FLASHBACK] Chuck S01E04 - Chuck vs The Wookiee
Author: Laisa Silva
Rating 5 of 5 Des:
No 4º episódio de Chuck somos apresentados a alguém do passado da Sarah, que apenas conhecemos como Carina, já que nunca chegamos a sab...

No 4º episódio de Chuck somos apresentados a alguém do passado da Sarah, que apenas conhecemos como Carina, já que nunca chegamos a saber seu nome verdadeiro. Carina é uma espiã meio louca que não mede muito seus atos quando quer conseguir algo, mas assim como todos os que têm contato com Chuck, ela também tira sua máscara de espiã e sede um pouco aos sentimentos quando é motivada pelo nerd.

Um dos pontos chaves desse episódio é a ligação que Chuck e Sarah tiveram no passado com Bryce. Até aquele momento nenhum dos dois sabia realmente como o Bryce Larking havia interferido em suas vidas, e em “Chuck vs The Wookiee” eles têm a oportunidade de saberem isso.

Sarah é a primeira a descobrir que Bryce não tinha sido um bom colega de quarto para o Chuck e que o senhor Larking não só provocou a expulsão Chuck de Stanford, como também roubou a namorada do rapaz. Com isso, nada mais lógico que Bryce se tornar a pessoa que Chuck mais odeia. Essa revelação pareceu surpreender Sarah, principalmente porque se Chuck odiava Bryce, não iria aceitar de uma maneira tão boa o fato de que ela e Bryce tiveram um romance no passado, algo que ela vinha escondendo até então, até Carina.

Carina, agente do DEA e ex-parceira de Sarah, chega solicitando ajuda na missão de roubar um diamante de Alahi (o Tony Ram-, quer dizer, Wookiee da história), um financiador internacional do tráfico de drogas. E ela já chega intimidando o Casey com "o que aconteceu em Praga" e conquistando o coração do Morgan.

O fato é que Carina é atrevida e tem seu próprio jeito de conseguir informações. Ela sabe que Chuck é certamente muito mais que um analista e percebe que ele é parte importante no plano para roubar o diamante. Por isso ela utiliza duas armas para conseguir o apoio do nerd, ao mesmo tempo em que o seduz, tentar implantar suspeitas em Chuck, revelando o relacionamento amoroso que Sarah e Bryce tiveram.


Na hora da missão Carina vê que sua técnica foi realmente efetiva, o Team Bartowski consegue roubar o diamante, mas Carina convence o ingênuo Chuck a entregar a joia para ela e ele acaba obedecendo, por ainda estar chateado com Sarah. É interessante ver essas loucuras que o Chuck faz movido pela emoção, porque enquanto você está olhando para a tela e dizendo “Não faz isso, é burrice!”, também consegue se colocar no lugar dele e entendê-lo, porque Chuck é o cara “normal” da história com quem o telespectador mais deve se identificar. 

Não posso deixar de comentar a sequência do Casey amarrado na cama e depois indo pegar o elevador algemado à um pedaço de cabeceira, enquanto uma mulher e uma criancinha presenciavam a cena. Hilário! 

A Yvonne Strahovski e a Mini Aden tiveram uma química de atuação muito boa e isso foi um ponto muito positivo, pois deu mais dinamismo as cenas e deixaram tudo mais divertido de se ver.  As duas dominam bem a parte da ação e as lutas são bem feitas. Além disso, confesso que achei super cool o lance de dos idiomas que se não me engano foram polonês e sueco, que são os idiomas correspondentes às origens das atrizes.

O final foi um pequeno deleite para os fãs de Charah, uma fofura que só. Chuck foi perfeito ao ponto de reparar até o tipo de pizza que a Sarah gosta, mas tem coisas que só dá para saber se a Sarah falar, como o sobrenome real dela, por exemplo. O problema é que a Sarah é uma espiã e esse é o tipo de informação que uma agente do governo ao nível dela não pode ceder tão facilmente. O fato é querendo ou não, o Chuck desperta na Sarah o desejo de compartilhar estes segredos, provando mais uma vez que ele realmente mexe com as emoções dela e a faz repensar um pouco na vida de espiã que leva, pois Chuck é uma porta pela qual Sarah pode conhecer, mesmo que por poucos momentos, como é ter uma vida real. Mas os segredos de uma espiã, por menor que sejam, devem ser guardados a sete chaves e não serem ditos a ninguém. Por isso, quando Chuck pergunta o nome do meio dela, tudo o que a Sarah pode oferecer a ele naquele momento é um inaudível sussurro.

"Lisa. My middle name is Lisa."
Ps: Algumas músicas da trilha sonora de Chuck merecem destaque. Neste episódio a música que indico para download é Fall Into Place da banda Apartament.

Reações:

Sobre o Autor

 
Top