Comentários
Rony Moura Rony Moura Author
Title: [REVIEW] CONTINUUM - S03E01: MINUTE BY MINUTE
Author: Rony Moura
Rating 5 of 5 Des:
Até alguns dias atrás, eu ainda estava a juntar os pedaços de meu cérebro, que explodiu com a segunda season finale. Algumas perguntas f...

Até alguns dias atrás, eu ainda estava a juntar os pedaços de meu cérebro, que explodiu com a segunda season finale. Algumas perguntas foram respondidas, mas muitas outras foram jogadas na nossa cara. Mas isso é típico da série. Ela nos força a pensar e a teorizar, e é justamente isso que eu amo na série. E falando em teorias, algumas das que tive, foram quebradas nesse episódio. Iremos perder - ou ganhar - algum tempo, analisando essas teorias, para tentar entender o que está acontecendo. Até fiz desenhos pra ajudar, minha gente!

[Início de uma explicação totalmente técnica e viajante sobre a teoria da linha do tempo. Eu não estava sob efeito de tóxicos quando escrevi isso. Juro.]

A primeira teoria que tive foi: Todos os eventos que ocorreram no presente, desde a fuga da Liber8 para 2012, apenas seguiam um roteiro que já estava predestinado a acontecer, e tudo levaria ao futuro de 2077, que conhecemos no início da série. Este é o chamado "destino". Onde tudo o que deveria acontecer, aconteceu. Simplificando um pouco, Kiera realmente voltaria no tempo, e tudo o que ela teria feito, simplesmente colaborava para que Alec Sadler se torne quem ele será em 2077.

A alteração do passado não influencia no futuro

A segunda foi: Ao mudar um evento no passado, uma linha do tempo paralela a essa é criada, e a antiga permanecia a mesma. Sendo possível então, criar uma grande árvore do tempo, com diferentes destinos que todo o universo tomou.

A alteração no passado cria uma linha do tempo paralela

A primeira teoria foi quebrada, quando vimos que, ao mudar um evento no passado drasticamente, o futuro meio que entra em colapso, e um novo galho da linha do tempo é construído, a partir do evento que foi mudado na história. Como foi explicado, Alec é uma das pessoas que consegue mudar toda a linha temporal. Talvez Kiera também seja. Voltando ao passado, Alec destruiu toda a linha do tempo atual, tornando o dia em que ele voltou - o dia em que ele salva Emily - o novo presente, pois a partir dali, é que o novo galho será construído.

Segundo a explicação de Katherine, uma linha do tempo paralela pode existir, se um evento não alterar o futuro de uma maneira brutal. A volta no tempo de uma pessoa não importante, por exemplo. Essa linha do tempo vai continuar, como se essa pessoa não existisse. No caso de Alec, todo o futuro é construído com base em suas invenções. E por isso o futuro entrou em colapso, pelo simples fato de que Alec não existe mais nele.

A alteração no passado cria uma nova linha do tempo, se
o evento alterado for um ponto chave na história

[Fim de uma explicação totalmente técnica e viajante sobre a teoria da linha do tempo]

Voltando pra parte menos... chá de cogumelo, da review, nós esperamos todo esse tempo, imaginando como seria o Alec no futuro, como seria se ele visse a ele mesmo, e também, como está o futuro, depois dos eventos que ocorreram no presente. Mas não. O filho de uma rapariga (pode xingar a mãe alheia nisso?) voltou pro passado, pra salvar Emily. Mas ao menos a pergunta sobre o que acontece com o futuro, foi respondida.

No fim das contas, os freelancers são os "mocinhos". Aqueles que querem preservar a linha do tempo, como ela deve ser. Eles são como "policiais do tempo". Estão ali para reparar os danos cometidos por aqueles que abusam da viagem no tempo, e para manter a ordem na linha do tempo. Isso já coloca o Escher na posição de vilão (ou colocava, já que ele tomou um tiro na venta), justificando o fato dele ter deixado os freelancers.  Só não sabemos ainda o motivo real. Se ele deixou o grupo por ambições pessoais, ou por ter sido expulso. Mais uma pergunta para nossas cabeças.

O Alec do futuro beijou a Emily. Então, o Alec do passado foi
chifrado por ele mesmo? WTF?
Algo que me perguntaram, que me fez gerar outra teoria, foi o fato de a Kiera que veio do presente (Kiera 1), matar a Kiera do passado de uma semana atrás (Kiera 2), e isso não gerar a morte da Kiera 1, já que ela é de um tempo mais a frente. Eu penso o seguinte: se alguém volta no tempo, ele se torna parte daquela época. A prova disso é que, a Kiera de 2077 voltou no tempo, e ela estava no passado de uma semana atrás, o que fez haver uma "cópia" dela nessa linha do tempo. Ou seja, ela já fazia parte daquela parte da história. E como a Kiera 1 voltou no tempo uma semana atrás, ela também foi marcada naquele ponto da história. E a morte da Kiera 2, será uma consequência da linha do tempo que foi criada por Alec, e não da linha do tempo que entrou em colapso, que era a que a Kiera 1 seguia.

Repetindo, eu não estou sob efeito de tóxicos. Minha mente é louca assim mesmo.

Kiera e Garza best friends forever <3
Sério isso?
Esse episódio me lembrou bem o filme Efeito Borboleta. E pudemos ver um pouco da teoria do caos, em aplicação na série. O que Kagame disse uma vez, sobre uma pedra jogada ao mar, se tornar uma tsunami do outro lado do mundo, finalmente fez sentido na série. Uma atitude egoísta e desesperada de Alec, fez com que todo o rumo da história fosse mudado.

E como eu disse no início desse texto, algumas perguntas foram respondidas, e muitas outras surgiram. A temporada promete muito. Assim como as outras temporadas tiveram uma palavra chave nos nomes dos episódios, sendo elas "time" e "second", para a primeira e segunda temporadas, respectivamente, a dessa temporada será "minute".

E você? Possui alguma teoria, ou gostaria de argumentar alguma das minhas? Comente!

PROMO DO PRÓXIMO EPISÓDIO:

Reações:

Sobre o Autor

 
Top