Comentários
Rossana Falcone Rossana Falcone Author
Title: [REVIEW] GA – S10E13: TAKE IT BACK
Author: Rossana Falcone
Rating 5 of 5 Des:
  “O problema é que as decisões epicamente boas e as epicamente ruins parecem exatamente iguais quando se está decidindo” Prim...


 


“O problema é que as decisões epicamente boas e as epicamente ruins parecem exatamente iguais quando se está decidindo”

Primeiro então vamos esclarecer uma coisa, não importa o quanto você se prepare, o quanto você pense em todas as possibilidades, Shonda sempre vai conseguir te surpreender e nesse episódio ela deu vários beijinhos no ombro para o recalque passar longe, acredite, ele passou!

Você começou o episódio todo felizão porque viu a April fugindo com o Avery né? Aí de repente ela pira, manda o cara parar o carro e você pensa que ela vai fugir para o estacionamento do GSMH e nunca mais voltar, como já houve casos (adeus Hahn),  mas o amor supera tudo e eles tem um final gracinha juntos, por enquanto, com Grey’s Anatomy nunca se sabe.

A melhor coisa do episódio, de longe, foi Ross tomando aquela série de socos, naquela cara de sem vergonha dele, cara, como eu esperei esse dia, muito obrigada Alex Karev.

Mas o que eu realmente me deixa ansiosa são as cenas com a Yang, ainda faltam alguns episódios para gente se despedir, só que o aperto no coração cada vez que ela aparece começa a se fazer presente, nesse episódio além de voltar as boas com a Meredith, ela ainda soltou a sensacional frase “Sempre tive dúvidas sobre a Kepner, mas agora sou mais que uma amiga, sou uma fã”. 
Aliás, quero muitas, muitas cenas dela com a Meredith daqui para frente, a amizade delas sempre foi uma das coisas que mais amo na série.


A Arizona não mencionou a perna nenhuma vez no episódio, achei uma vitória, a cena dela com a Callie falando que não conseguia mais voltar para o apartamento delas, não queria mais as lembranças de tudo que aconteceu lá, que queria um recomeço, foi um ótimo sinal mostrando que ela realmente está querendo deixar o passado no passado e que está "cheia de super magic smile" para Callie. 

Karev, além de nos dar uma chance para desforrar a raiva do Ross, mostrou seu lado ferrado com a relação dele com o pai e agora é esperar para ver como ele vai processar a morte do cara. Achei uma graça como ele quer um relacionamento bom entre ele e Jo, demonstrando isso de um jeito estranho, mas ainda bonitinho.

Owen bravinho com a história de Cristina e Ross, só tenho a dizer que, Owen, você não está sozinho, todo mundo aqui também odiou essa história, mas esquece dessa Cristina pega sua farda e vem aqui para casa, vamos superar essa separação juntos, McArmy seu lindo.

Queria comentar com vocês também sobre o caso que eles apresentaram, do acidente que o homem “gato” causou e como ele representou exatamente a frase com que eu iniciei a review de hoje, decisões que parecem em determinado momento uma ótima idéia, podem tempos depois virar um pesadelo e mudar completamente sua vida.


Para fechar, como uma fã de Scandal, estou realmente ansiosa para saber quem vai ser o presidente, se é que ele vai aparecer, mas bem que poderia ser o Fitz né? Ou acontecer um crossover com Olivia sendo chamada para limpar a barra do Derek com história de enviar dinheiro para o amigo do colegial, ela ligando para Meredith e dizendo “It’s handled” seria demais e sonhar está de graça ainda.

Bom, eu amei esse episódio, achei que Grey’s está conseguindo se resolver muito bem, o plot que vai ser explorado sobre os relacionamentos com os internos,  em especial Steph e seu processinho, tenho certeza que vai render muito babado, confusão e gritaria. 
Então agora é aguardar os próximos episódios, já ouvi boatos que até a Zola vai interagir nas próximas cenas.

Reações:

Sobre o Autor

 
Top