Comentários
Lucas Faria Lucas Faria Author
Title: [REVIEW] HOUSE OF CARDS - S02E07: CHAPTER 20
Author: Lucas Faria
Rating 5 of 5 Des:
As midterms chegaram. E com ela veio um vídeo feito pelos republicanos questionando o governo e a bagunça que se tornou a relação sino...

As midterms chegaram. E com ela veio um vídeo feito pelos republicanos questionando o governo e a bagunça que se tornou a relação sino-americana. Porém, Frank, astuto como é, logo ligou os pontos e percebeu quem estava por trás disso: o bilionário Raymond Tusk.

Antes de tudo, esse episódio teve como propósito evidenciar mais uma vez que Underwood não é onipotente. Como todo político ele depende de alianças para conseguir ser tão influente. Além disso, Chapter 20 também mostrou que Tusk é sim alguém a ser temido. O bilionário tem poder, e jogará duro para conseguir voltar a influenciar o presidente.

Assim, no episódio, Underwood se vê inicialmente de mãos atadas. Não pode provar que Tusk financiou a propaganda republicana antes das midterms; não pode controlar Lanigan, já que este só quer dinheiro; e por fim ainda descobre que Tusk comprou influência no Congresso que achara estar em sua mão. Ponto para o bilionário.

E como tudo que está ruim ainda pode piorar, tem mais. Em review passada já tinha comentado do pragmatismo de Jackie e que isso poderia prejudicar Frank em algum ponto. E eis que isso realmente acontece. A líder da maioria aprendeu com seu padrinho político, e retém uma lei protegida pelo vice-presidente visando seus próprios benefícios. Aliado a isso, temos sua relação com Remy, que provavelmente prejudicará Frank futuramente. 


Também não podemos esquecer-nos do jantar entre o casal presidencial com Frank e Claire. Dentre todos os arcos, esse é o que se desenvolve melhor para os Underwood. Assim, no jantar, Claire aproveitou a oportunidade para continuar a sutilmente sabotar o relacionamento do presidente Walker e sua esposa. Em breve deveremos ver uma crise presidencial em função disso.

Toda essa trama de Rachel e Doug me intriga muito. No momento, ela segue sendo o ponto fraco da temporada (juntamente com a de Lucas). Porém, tendo total confiança em Beau Willimon, acredito que todo esse arco terá propósito mais a frente, mesmo que possivelmente na próxima temporada.

Além de Doug e Sharp, agora temos também Seth Grayson como ''aliado'' de Frank. A inserção dele na série foi algo muito positivo. Jogando um jogo duplo, nunca sabemos quais as reais intenções da personagem. Mesmo que dê impressão de que ele está junto de Underwood, é melhor o vice-presidente ter cautela quanto a seu assessor.

Portanto, com esse episódio vimos que a situação de Frank é complicada, e talvez o nosso querido protagonista tenha perdido o controle de seu projeto de ascensão política. Underwood terá de se virar mais uma vez para tomar as rédeas novamente e reverter sua delicada situação.

Reações:

Sobre o Autor

 
Top