Comentários
Lilian Zin Lilian Zin Author
Title: [REVIEW] CSI - S14E18: UNINVITED E S14E19: THE FALLEN
Author: Lilian Zin
Rating 5 of 5 Des:
Olá, eu sou a Lilian, responsável pelas reviews de NCIS e Crossing Lines e estou substituindo a Nassara por um tempo. Estarei fazendo ...

Olá, eu sou a Lilian, responsável pelas reviews de NCIS e Crossing Lines e estou substituindo a Nassara por um tempo. Estarei fazendo a review dupla porque ainda não consegui assistir o S14E20, mas, assim que possível, o verei e postarei.


Bom, começando com Uninvited, uma família e todos os seus pertences desaparecem de uma casa, simplesmente do nada. Uma poça de sangue é encontrada na casa, o que faz com que, após o uso do luminol, muito mais sangue seja descoberto, o que faz Finn “expulsar” Nick da cena do crime. Adoro quando ela faz isso. Após uma longa busca pelos móveis da família, a maioria até vendidos, a casa é remontada e tudo começa a fazer mais sentido. A poça de sangue pertencia a Doug, ex-viciado, que morava na casa da família em troca de favores. Bom, enquanto eles ainda estavam lá. Um mês se passou e Doug “esqueceu” de se mudar. O mais importante: ele não era o assassino. Depois que o corpo do pai/marido foi encontrado, comecei a suspeitar da mulher. Minhas suspeitas aumentaram quando o corpo de uma mulher foi encontrado. Aí é que tudo se complica. Uma pessoa matou a mulher cujo corpo foi encontrado, outra matou o marido e depois a filha foi encontrada, alegando que a mãe e o irmão foram ao cinema e a largaram em um hotel. Confuso, porém um bom episódio.


The Fallen foi um episódio que despertou uma certa apreensão em mim. Um garoto chega atirando na delegacia, matando um policial e deixando quatro feridos. Ele entra na sala de interrogatório, onde D.B. Russell interrogava Jacob, visto no episódio Keep Calm and Carry On (S14E12), apontando lasers para um avião. Mark, o garoto os faz de reféns. Após descobrirem que D.B. estava no interrogatório, Nick e Greg vão para a delegacia, enquanto Sara vai para o hospital e Finn fica cuidando do laboratório. Um dos policiais feridos era Mitchell, o que despertou uma pequena mais adorável cena entre ele e Sara. Ela ainda conversou com a Tenente Debbie Hughes (conhecida por mim como Jeanne Benoit,  ex-namorada do DiNozzo em NCIS), cujo marido foi morto durante a cirurgia. Amei quando Sara mencionou que entendia como era ter o mesmo emprego que o marido (Saudades Grissom). Fico feliz de D.B. estar naquele interrogatório, porque foi genial o fato de ele ter passado sangue por toda a garrafinha de água e entregado para Mark, o que ajudou na identificação do garoto. Fiquei com muita pena da mãe dele. Fez de tudo para que ele voltasse a ser o garoto que era, e ele acaba por invadir a delegacia e ter um final ainda pior. Ao longo do episódio, é possível ver que ele tem uma fixação pelo notebook que pede e com seu celular. Ele receberia uma mensagem de quem estava por trás de tudo isso. Eu bem que gostaria que fosse o policial que Nick brigou, mas, outro fato que me surpreendeu.

No geral, CSI está merecendo a renovação para a próxima temporada. A única coisa ruim vai ser ficar sem o capitão mais badass da LVPD, Jim Brass. Mas, é a vida. Até a próxima, com Consumed.

PROMO DO PRÓXIMO EPISÓDIO

Reações:

Sobre o Autor

 
Top