Comentários
Maluci Vieira Maluci Vieira Author
Title: [REVIEW] REIGN – S01E18: NO EXIT
Author: Maluci Vieira
Rating 5 of 5 Des:
Primeiramente: Que linda aquela decoração do casamento da Lola! Pronto, agora já posso começar a review. Sou absolutamente apaix...

Primeiramente: Que linda aquela decoração do casamento da Lola!

Pronto, agora já posso começar a review. Sou absolutamente apaixonada por cerimônias de casamento, nunca me canso. E isso é o que não está faltando nesses últimos episódios da série. Tanto é que não temos praticamente mais nenhum personagem solteiro. Notei isso quando o meio-irmão bonito da Mary chegou à corte. Mas voltando ao casamento, era óbvio que o marido todo perfeito, lindo e maravilhoso tinha um defeito. Sorte que Lola não é tão ingênua e já conseguiu notar que há algo a se temer.

Com exceção dele, da Greer que está noiva e do Nostradamus, não temos mais ninguém para shippar de um modo correto. Já vou aproveitar para deixar exposto aqui a minha decepção pelo modo como desenvolveram o relacionamento do Nostradamus com a Olivia, foi extremamente pobre! Já havia estranhado o beijo, até disse em outra review que gostaria de algo sem tanta pressa; é claro que o resultado seria esse, uma separação precipitada. Sabemos que a paz não prevalece no reino, mas o destino ~roteiristas~ parece pensar realmente que Nostradamus não é merecedor dela.

Outro ponto que não gostei muito foi o da solução que encontraram para conter da loucura de Hamlet, quer dizer, Henry. Toda essa exposição e confronto com a fé podem até funcionar provisoriamente, mas quem poderia assegurar isso? A ideia, que uma pessoa com alucinações, delírios e gosto sadomasoquista, se deixaria constranger e amedrontar por estar naquela situação, ficou um tanto quanto vaga.


Valeu a pena somente pelo fato de finalmente nos livrarmos daquela garota insuportável! Ficava fácil sentir pena e simpatia pela Kenna de tanto raiva que tinha por Penelope. Catherine e Kenna pareciam anjos perto da biscate. A vantagem é que em momentos onde Kenna sofre ataques, a relação do jovem casal se fortalece. Fica mais bonita e vira uma cumplicidade. Espero não ser a única que torce pelo casal. Acredito de verdade quando vejo o jeito que o Sebastian cuida dela e vice-versa, faz crescer um vínculo sincero. 

"Come home"

Agora, sem sombra de dúvidas, Francis conseguiu superar Penelope no quesito “tirando qualquer um do sério”. Ele foi longe demais! Posso tentar imaginar o que ele estava sentindo, tantas incertezas e insegurança, mas não consigo medir a raiva que qualquer pessoa ficaria no lugar de Mary, ao ser trancafiada na torre como um animal de estimação que se comportou mal. A situação que ambos temiam, quando ela tivesse que escolher entre um dos dois países, chegou. Ela nunca o iludiu e, sempre que pôde, fez de tudo para ajudar o país de seu amado. Mas agora era ela quem estava precisando de apoio. Mary mostrou que é Rainha da Escócia à frente de esposa do futuro Rei da França. Isso é o que acontece quando você tem países demais para administrar, nem mesmo Mary pode ser onipresente. Nós, meros mortais, nunca descobriremos o que é isso.

"Mas e quando ser um bom rei significa ser um marido ruim?"
PS.: Amo essa versão de Royals! Impossível não comentar que quase pirei quando ouvi Vitamin String Quartet (é muito amor) na série, todos deveriam conhecer, então fica aqui o link para a versão.

PS.2: Greer pedindo para Kenna não ser bitch? Está pedindo demais né?

PS.3: Mary mitando "Você ama uma garota! Não ama a rainha, senão me deixaria ser uma!" 

PROMO DO PRÓXIMO EPISÓDIO:

Reações:

Sobre o Autor

 
Top