Comentários
Camila Menezes Camila Menezes Author
Title: [REVIEW] HANNIBAL - S02E12: TOME-WAN
Author: Camila Menezes
Rating 5 of 5 Des:
Prostrado em uma cama para sempre, deformado e fanho nas letras ‘f’ e ‘s’: eis o nascimento de Mason Verger, senhoras e senhores!  E...

Prostrado em uma cama para sempre, deformado e fanho nas letras ‘f’ e ‘s’: eis o nascimento de Mason Verger, senhoras e senhores! 

Espetáculo. O penúltimo episódio da segunda temporada de Hannibal foi nada menos do que um espetáculo. Espetáculo de atuação, espetáculo de fotografia, espetáculo de maquiagem. Deixou a desejar em nada. Eu não posso começar essa review de outra maneira a não ser dando a César o que é de César: Michael Pitt reinou absoluto, roubou a cena durante todo o episódio. Com uma atuação digna do Coringa, tivemos a honra de ver nascer o maior vilão da saga Hannibal bem diante dos nossos olhos. Gary Oldman deve ter ficado orgulhoso em ver seu antigo papel tão bem representado.

Uma das características que eu mais gosto nessa série é a oportunidade que ela nos dá de preencher alguns vazios que os filmes deixam. Mason é exemplo disso. No filme a única coisa que mostra sobre o momento em que ele é deformado é apenas flashs, nada comparado à riqueza de detalhes que a série proporcionou em seu espaço. 

Podem me chamar de sádica, mas eu ri horrores ao ver Mason completamente drogado e depois cortando os próprios pedaços da face (Será que há salvação para minha’lma?). Se eu for chamada de sádica, mais sádico ainda é Bryan Fuler que conseguiu transformar um momento tão bizarro em algo cômico.


Não era de esperar que algo menos trágico acontecesse com um homem que rasga o sofá e coloca os pés em cima da mesa do homem mais sofisticado da literatura americana. Mason, menino mimado pelo pai, logo achou que Hannibal era mais um de seus criados e o resultado foi o pior possível (tá achando que Hannis é tuas nega, Mason?)

Perceberam que Mason mentiu para o Jack acerca do que lhe ocorreu não é? Essa mentira tem um único motivo: vingança! O herdeiro da família Verger não quer que o canibal seja preso por seus crimes, seja judicialmente castigado por ter acabado com sua vida. Mason não faz o estilo de homem que espera pela justiça. O que ele pretende é devolver na mesma moeda tudo o que Hannibal lhe proporcionou. Para isso, deseja a polícia bem longe de atrapalhar seus planos. Observe o rancor (e o nascimento de um ódio eterno) em uma de suas falas:

"Eu sempre serei grato pelo modo com ele me ajudou. Eu espero poder recompensá-lo algum dia."

Mason não ficou tão deformado quanto eu esperava que ficasse, mas compensou por ter mostrado o processo de sua deformação. Estou ansiosa para ver a maquiagem quando seus ferimentos cicatrizarem, já que a série tem o dever de fazer algo tão bem feito quanto foi feito no filme (foto abaixo). Depois de ter feito sua irmã comer o pão que o diabo amassou, ironicamente ela será a responsável por retribuir os “cuidados” e, se eu fosse o Mason, não subestimaria a Margot. Por trás daquele rosto angelical, há muito rancor guardado naquele coração.


Disse algo nas reviews da temporada passada e neste episódio vocês podem confirmar: é ou não é uma tremenda injustiça essa série não ser, ao menos, indicada ao Emmy? Quesito fotografia, direção de arte e principalmente as atuações. Gente, que atuações! A cada novo personagem é um show de interpretação. Se o Emmy fosse para premiar séries realmente qualificadas, que se destacasse em algo, Hannibal certamente estaria na lista dos premiados. Mas, a meu ver, Emmy é mais um evento para premiar as séries mais famosas (séries famosas podem ser de qualidade, mas a recíproca nem sempre é verdadeira).

Ao longo do episódio, não sei se vocês repararam, mas reinou a pergunta: Hannibal sabe ou não sabe o que Will está planejando? Pergunta esta presente em muitas metáforas ao longo dos diálogos. A presença da Bedelia e o seu interrogatório foi o exemplo mais claro. Afinal: quem está manipulando quem? No final das contas, vamos perceber que o mais manipulado durante a temporada fomos nós, seriadores. Particularmente, acredito que Hannibal saiba/desconfie o que Will pretende. Na verdade, eu não acredito em nada, eu só suponho. O canibal é esperto demais para se iludir com a drástica mudança do Graham (por mais convincente que seja).


Também quero deixar registrado mais uma vez o cuidado que o Bryan tem com a obra do Thomas Harris. De diálogos à concretização de cenas do livro, Bryan é o homem mais detalhista que eu já vi. A cena em que o Lecter é capturado é remake do filme Hannibal, sendo o papel da Clarice representado pelo Will. Na verdade, a maioria dos plots da Clarice tem sido protagonizado pelo Graham. Se Bryan conseguir resgatar os direitos da personagem, boa parte já terá sido interpretada.

Com apenas mais um episódio, me perguntem o que eu espero da season finale e serei bem direta: não tenho a mínima ideia. Não sei o que esperar de uma série que me surpreende a cada novo episódio. Será que Hannibal será capturado ainda esta temporada? Só Bryan sabe. O único papel que me cabe é esperar junto com a minha dor em posição fetal o momento de enfrentar um hiatus devastador de 1 ano. Longos 365 dias. Segurem minha mão e vamos passar por essa tristeza juntos.

Frases do episódio:

"Se você acha que está prestes a pegar Hannibal é porque ele quer que você pense isso." - Bedelia plantando a semente da dúvida

Will: Você quer que eu tenha tenha nada vida a não ser você
Hannibal: Eu só quero o que é melhor para você (Declaração de amor Hannigram?)

Mason: Eu estou com fome
Hannibal: Então coma seu nariz (e comeu!)

" Pig, pig, pig, pig"- Mason Verger (Como eu ri!)

                                       PROMO DO PRÓXIMO EPISÓDIO
Reações:

Sobre o Autor

 
Top