Comentários
Dayane Andreatta Dayane Andreatta Author
Title: [REVIEW] THE ORIGINALS - S01E20: A CLOSER WALK WITH THEE
Author: Dayane Andreatta
Rating 5 of 5 Des:
Finalmente estamos chegando no fim de temporada, e The Originals  está cumprido com perfeição todas as espectativas. Closer Walk Wit...

Finalmente estamos chegando no fim de temporada, e The Originals está cumprido com perfeição todas as espectativas.

Closer Walk With Thee venho com um ritmo mais calmo acrescentar novos detalhes a serie, aqueles do tipo que fazem toda a diferença para fechar o enredo com coerência. A primeira parte da temporada foi toda eletrizante e depois as sequencias foram ficando mais complexas, o que atribuiu uma grande maturidade a serie, que por mim já não se encaixa mais na categoria teen

O episódio foi bem como sequencia de seu antecessor, com o velório do padre Kieren. Tudo parecia normal, até Klaus chegar na igreja, abrir o caixão e encontrar sua filha dentro dele. Era um sonho provocado pelo seu querido pai Mikael, que ressurgiu das profundezas do inferno para atormentar novamente a vida dos filhos. 


Mikael ainda está no ''limbo'' e precisa da ajuda de uma bruxa para conseguir voltar a vida. Pra isso, ele planeja usar Davina, que estava bem apagadinha desde que foi despertada. Ela não tem muitos motivos para odiar Klaus, considerando que ele já se redimiu, então ainda duvido que ela ceda ao pedido de Mikael. MAS também ela ainda é a unica bruxa com quem ele já fez contato. MAS Monique ainda está aí, cheia de maldade pra distribuir. MAS Mikael é um manipulador de primeira. É, meus amigos, vida de seriador tem esses impasses. 


Ainda falando de bruxas, o ''não sei se vou ou se fico'' de Genevieve já está ficando insuportável. Primeiro ela diz que vai completar o seu sacrifício, mas antes ela queria fazer com que New Orleans fosse um lugar melhor para as bruxas viverem, o que todos nós sabemos que é mentira e ela só quer garantir os dias dela na terra. Depois os acentrais trocam o seu sacrifício pelo da filha de Klaus. Aí ela ajuda a Hayley a escapar da armadilha vodu feita por Monique e acaba sentindo pena da neném. Então pede aos ancestrais que não a obriguem a matar uma criança. Depois de levar um chega pra lá deles, Genevieve aceita tranquilamente fazer tudo que eles pedirem. Morre, Genevieve, só morre. 

Voltando para a parte onde as coisas são mais legais, Marcel e Cami descobriram o que a chave abria, e dentro da caixa que estava dentro do túmulo do irmão dela (credo, que mórbido), estava um código deixado pelo padre, que Cami consegue interpretar, que é capaz de dar um fim a folia sobrenatural da cidade. Como? Nem ouso palpitar, só digo que ela ainda vai acabar se dando mal por se meter com essas coisas. 

E o que me dizem sobre o beijo de Elijah e Hayley? Foi tão repentino que devo confessar que achei bonito, e talvez eu crie alguma simpátia por eles. Talvez. 

P.S 1: Se eu morrer, bebam e dancem envolta do meu caixão. Eu ficaria muito feliz. 

E isso é tudo, pessoal. 
PROMO DO PRÓXIMO EPISÓDIO:
Reações:

Sobre o Autor

 
Top