Comentários
Dana Rodrigues Dana Rodrigues Author
Title: [PAPO DE SERIADOR]: LINGUAJAR DO SERIADOR
Author: Dana Rodrigues
Rating 5 of 5 Des:
A ideia pra esse texto veio de repente: estava revisando umas reviews pro blog e “do nada” me deparei com as palavras “plot” e “shipp”. ...

A ideia pra esse texto veio de repente: estava revisando umas reviews pro blog e “do nada” me deparei com as palavras “plot” e “shipp”. Essas palavras são muito comuns na vida de seriadores. Com isso me dei conta que temos nosso próprio dialeto. Sim, nosso próprio “idioma” por assim dizer. Mesmo que não sejam palavras em inglês, como “cliffhanger”, “season”, “summer”, “fall”, os seriadores tem seu jeito peculiar de se comunicar. Um exemplo disso é que há poucos dias foi meu aniversário. Recebi recados do tipo “que seus shipps se concretizem”, “você foi RENOVADA”. Cara, quem entende indiretas/diretas/sacadas como essa a não ser a gente? E ainda ri com os trocadilhos do tipo “sim, fui renovada sem nem estar na bolha” (foi essa minha resposta pra minha amiga que mandou a mensagem da minha renovação). 

É claro que para quem não tem essa nossa rotina de maratonas, pilots, season finales, fall season, summer season, mid season, tudo isso parece besteira. Mas você que está lendo esse texto e se identifica, sabe que isso é uma das coisas que te faz SER SERIADOR. E pelo fato de termos mais seriadores para compartilhar nossos sentimentos (sejam agradáveis ou não) esse linguajar se torna indispensável.

Me diz, quem não gosta de usar essas palavras de seriador ? Eu mesma adoro falar coisas como “ah, essa vai flopar”; “essa série vai ser cancelada e nem é da NBC”; “aquele cliff foi ótimo”; “esse plot tá um saco”; “esse hiatus tá mais demorado que a próxima temporada de Sherlock”.É que às vezes é bem difícil você explicar essa sensação boa, você sente (tá, isso foi um pouco brega, mas é a verdade). Você se sente parte de algo.

“Eu sei que essa série é uma porcaria, mas eu vejo porque é guilty pleasure”. “Esse fandom é enorme”. “SAI PRA LÁ COM SPOILER”. Chega dá um prazer falar assim, é o que nos diferencia dos que apenas “gostam” de séries, mas não acompanham. Nada contra, lógico, mas seriador de verdade entende o que quero dizer.

Esse linguajar seriador faz tanta parte de mim que logo quando iniciamos o blog resolvemos fazer um “dicionário” com alguns desses termos. (Clique aqui para ver)
Mas “falar” como seriador não é algo que vem da noite pro dia, vem de série após série, comentários após comentários e discussões após discussões. Mas é algo que vem naturalmente, que de repente, assim como me surgiu a ideia desse texto, você se vê “falando”.

E aí, o que acharam do texto? Legal? Faltou algo? Fiquem à vontade para complementá-lo nos comentários!

Reações:

Sobre o Autor

 
Top