Comentários
Nassara Bueno Nassara Bueno Author
Title: [REVIEW] CSI - S15E01: THE CSI EFFECT
Author: Nassara Bueno
Rating 5 of 5 Des:
Digo sem medo de errar, esse foi o melhor episódio da série em cinco anos. Me desculpem, mas tenho  que começar esta review assim, po...

Digo sem medo de errar, esse foi o melhor episódio da série em cinco anos.

Me desculpem, mas tenho  que começar esta review assim, porque foi exatamente isso o que eu senti.
Todo CSI maníaco sente falta do time original, isso é um fato, e convenhamos que após a saída do Grissom a serie desandou bastante, episódios sem graça, casos previsíveis, mudanças a todo o momento e etc. Mas Nassara por que você sempre fala do Grissom e como a série era maravilhosa até a nona temporada? Deixa eu te explicar... Querendo ou não ele era a alma da serie, e quando a essência sai fica um vazio imensurável em seu lugar e é de se esperar que todas as pessoas envolvidas sintam falta do ator principal e de casos bons que prendiam os telespectadores no sofá.

Após o fim da temporada passada, eu fiquei bastante desanimada com a serie, o que fizeram com Jim foi completamente ridículo, e ainda por cima jogaram a exibição na TV pra domingo (Quem é seriador de carteirinha sabe que isso não é um bom sinal). Mas não é que eles me surpreenderam ?


Isso de personagem principal correndo risco de vida em première é furada, você sabe que ele não vai morrer, mas o interessante é saber o que vai acontecer, e ver a Finn em apuros foi muito legal, mas nada tira o brilho da cena em que o telefone toca e você escuta aquela voz dizendo: WHO AM I?
 Uma coisa que eu sempre quis saber era da história do DB e Jules em Seattle. Foi tão sutil a maneira que eles apresentaram os flash backs que parecia que em certos momentos eu estava assistindo a outra serie, e o que falar desse serial killer que eu mal conheço mas já adoro pakas ? O indivíduo processou as próprias cenas do crime! Ainda não sei qual dos irmãos realmente cometeu o crime, mas já estou ansiosa pelo resultado, CSI está precisando disso, um Paul Millander ou Natalie Davis da vida pra ver se ressuscita a genialidade da serie.


As únicas ressalvas que eu tenho do episódio é que até hoje eu não entendi o porquê de colocarem a Finn de pegadora da serie, para mim é uma coisa sem lógica e super sem graça, mas enfim, temos que aguentar.
E sim, o Jim não teve despedida (estou perplexa como você) e a justificativa foi que ele quis ficar com a filha assassina/louca/drogada.  Oi? Palmas para os produtores que a cada dia conseguem ferrar com os personagens, me poupe né CBS ?
Mas enfim, foi uma ótima estreia e esse caso de Seattle vai dar muito que falar, só espero que saibam aproveitar muito bem, porque eu não mereço outro serial killer meia boca como o ( haskell ou jekyll )

PS :O que falar daquela câmera que transformou a cena em 3D? Linda.
PS1:Bem forçada a cena em que o Nick também acha a constelação  em 3D, calma lá né.
PS2: Mark Valley tá um pouco acabadinho.
PS3: Amei a trilha sonora do episódio, “casou” direitinho com as cenas.
Reações:

Sobre o Autor

 
Top