Comentários
Rayssa Rayssa Author
Title: [REVIEW] PERSON OF INTEREST - S04E02: NAUTILUS
Author: Rayssa
Rating 5 of 5 Des:
Está aberta a temporada de recrutamento! Pelo menos por hora sabemos com o que o Samaritano está se ocupando, já que ele não consegue e...

Está aberta a temporada de recrutamento! Pelo menos por hora sabemos com o que o Samaritano está se ocupando, já que ele não consegue encontrar suas principais ameaças.

Achei "Nautilus" extremamente curioso. Aquele tipo de episódio que você quer chegar logo no final para encaixar todas as peças e entender o que realmente está acontecendo. Do mesmo modo quando se lê aquele livro maravilhoso de mistério.

O interessante é que fomos apresentados a mais um número da semana, que aparentemente não tinha nada demais. Exceto ser inteligentíssima, determinada e estar disposta a fazer o que for mandada, sem fazer perguntas, como bem lembrou Root. Gente, não passou nem por um segundo na minha cabeça que era o Samaritano que estava por trás do enigma do náutilo. Foi simplesmente genial e brilhante. O que para gente não é nada bom, não é?


Person of Interest está sabendo lidar muito bem com esta nova realidade. As interações entre os personagens continuam acontecendo bem e de forma bem natural. Além disso, observar cada um na sua identidade falsa é bem divertido. Igual a Shaw questionando o fato da Machine ter lhe encontrado um emprego como motorista de fuga para criminosos. Uai, Sameen, fez super sentido para mim! Estilo colocar John como policial. Ou Harold como professor.

Mas sabe o que eu estava me perguntando desde a Season Premiere? Qual era a identidade falsa da Root? O que ela andava fazendo? Porque ela não parecia estar em nenhum emprego comum. Agora já sabemos que ela continua trabalhando diretamente para a Machine, viajando pelo mundo e sequestrando pilotos. E aparecendo no carro das pessoas para uma conversinha casual.


Fusco apareceu para dar aquele alívio cômico e deu ensejo ao melhor olhar de desprezo que já  vi Reese fazer nos últimos tempos. Simplesmente hilário ver Fusco dando serviço para ele, que agora tem que lidar com a burocracia da Polícia de Nova York.

Quanto à Claire, achei toda a trama extremamente fascinante. Fiquei na expectativa para saber se ela ia conseguir terminar o jogo e na hora que percebi que era o Samaritano por trás, veio aquele medo! Pois é, o segundo programa de inteligência artificial mais desenvolvido do mundo (isto porque sou Team Machine, n#1!) não só está procurando novos agentes de uma maneira fantástica (e olha, acho que a Machine podia copiar este método, isso se os limites criados pelo Harold permitirem) como também está utilizando a mesma jogada para eliminar a competição.

É aquele paradoxo: seu inimigo é super competente e inteligente. Eu odeio e amo isso ao mesmo tempo.

Além disso, agora temos um novo quartel general e um Finch decidido. Ele finalmente saiu de cima do muro e, ao perder Claire, percebeu a importância do que eles fazem. Ou seja, Samaritano, pode se cuidar porque nós estamos indo atrás de você!


O problema? Claire agora virá atrás do nosso elenco e como agente do Samaritano, vai ter uma enorme vantagem por já conhecer o pessoal. Ai meu Deus! É tensão, amor, expectativa demais por uma série!

E vocês, o que acharam de "Nautilus"?

Obs: Sobre a aluna sem noção do Harold reclamando de matemática e cálculos. Querida, você sabe que está falando com um dos maiores programadores de inteligência artificial do mundo e que esta função se baseia basicamente em números? Um pouco mais de respeito, viu!

Obs: Shaw roubando bancos: finalmente encontrou o emprego dos sonhos.

Obs: John, policial mais eficiente da NYPD! Adorei a cena dele neutralizando cada um dos militares indo atrás da Claire.


Melhores momentos:

"-Você está sendo vigiado."

"-Quantas vezes eu terei que dizer que os nossos disfarces são prioridades?
-Pelo menos o seu disfarce não vem com um parceiro."

"-Estes disfarces nos fazem parecer comuns, então por que a Machine me fez....
-Uma criminosa? Criminosos são comuns, Sameen. Toda cidade tem."

"-Garanto que este senhor ficará mais que feliz em pagar pelo conserto. Não vai?
-Devo lembrá-lo que, nas atuais circunstâncias, minha renda não é ilimitada? Mas aprecio sua pontualidade."

"-Exceções viram regras. Ainda mais quando você começa a chamá-las pelo primeiro nome."

"-Quem é você?
-É o cara que me diz quando te soltar."

"-Você não está equipado para estar aqui, não nesse lugar e nem neste jogo que está jogando. Então escolha parar de jogar ou vou te prender para te manter seguro. O que vai ser?"

"-Meu disco rígido está sendo dilacerado. Estão rastreando nossa localização.
-O que vai fazer?
-Dirija!"

"-O criador deste jogo não é um hacker. Ele não é nem humano. É o Samaritano."

"-Samaritano está por trás. Eu preciso saber porquê.
-Ela não falará. Mas eu posso adivinhar. O Samaritano está recrutando."

"-Larry, eu te disse, fique calmo e eu te darei o privilégio do banco traseiro.
-Você está sequestrando alguém?
-É uma longa história.
-Você é uma aeromoça?
-Só por hoje. E Larry é meu piloto.
-Para onde você vai?
-Ela não me disse ainda. Espero que seja algum lugar tropical."

"-Foi o que todo mundo disse, se eu precisasse era só ligar.
-Neste caso não precisa se preocupar, porque não tenho intenção de te dar meu telefone."

"EU VOU PROTEGER VOCÊ AGORA."

PROMO DO PRÓXIMO EPISÓDIO

Reações:

Sobre o Autor

 
Top