Comentários
Rayssa Rayssa Author
Title: [REVIEW] ELEMENTARY - S03E02: THE FIVE ORANGE PIPZ
Author: Rayssa
Rating 5 of 5 Des:
Para ser um bom detetive é preciso tomar as dores do outro. Elementary voltou a sua fórmula normal: trouxe um bom caso semanal, mas nã...

Para ser um bom detetive é preciso tomar as dores do outro.

Elementary voltou a sua fórmula normal: trouxe um bom caso semanal, mas não deixou de abordar um pouco seu procedural.

É claro que desde a Season Premiere estamos muito curiosos para saber quem Kitty realmente é, sobre o seu passado e qual o motivo de sua parceria com Sherlock.


Imaginei que iam enrolar muitos episódios para revelar algo sobre ela, mas fiquei satisfeita de logo já ter uma ideia (mesmo que vaga) sobre o que aconteceu com Kitty.

Eu cogitei que ela devia ter algum evento traumático no passado quando gritou no momento em que Bell encostou nela na cena do crime. Logo, a revelação dela ter sido sequestrada por um homem foi bem coerente. Agora para descobrir o que de fato aconteceu, isso a gente vai ter que esperar.

Porque é claro que Elementary, em um formato de 22 episódios, não vai entregar a história toda pronta para a gente. E Watson não deve nem mencionar este fato por um tempo.


Falando em Joan, a má vontade dela com Sherlock está me irritando. Ou você trabalha junto com ele ou não trabalha. Precisa ficar de mimimi com o Bell? Precisa ficar impaciente? Aliás, imaginei que teríamos episódios mais dinâmicos a partir de agora, exatamente porque teríamos Watson e Holmes trabalhando em casos distintos (mesmo que houvesse alguma intromissão de um no outro).

Por outro lado, gostei da condução do caso semanal envolvendo as mortes de Fordham e Openshaw. Foi inusitado e cheio de reviravoltas, fato que não cansou o roteiro. Foi interessante acompanhar a investigação, em especial porque envolveu positivamente todos os personagens, embora o desfecho tenha sido um pouco preguiçoso.


O que se destacou, para mim, foram as conversas envolvendo Sherlock e Kitty. Ela só faz burrada, uma atrás da outra, mas finalmente parece estar escutando os conselhos do Holmes. Gostei dos diálogos onde ele falou que estava chamando Watson exatamente para ela observar a dinâmica do trabalho dos dois,  ou quando falou sobre a necessidade de se importar com a dor dos outros no trabalho de detetive. Afinal, empatia é tudo para quem quer ser detetive. Se você não se importa, como vai trabalhar bem?


Inclusive, porque muita gente estava interessada em deixar tudo para lá. Afinal, eles já tinham um suspeito que confessou o assassinato, porque dar uma segunda olhada nas evidências?

Mas enfim, fiquei satisfeita com "The Five Orange Pipz". Apresentou um roteiro bom, uma história interessante e a dinâmica entre os personagens tem funcionado bem. Aliás, a presença de Kitty serviu realmente para dar novo fôlego à série, criando novas possibilidades e histórias.

E você, o que achou do episódio?

Obs: Gente, vou precisar da paciência de vocês durante esta 3ª temporada de Elementary. Estou fazendo cursinho, trabalhando e fazendo pós graduação nos finais de semana. Estou usando meu tempo livre para comer, dormir e fazer as reviews aqui para o blog, então uma hora ou outra eu vou atrasar. Mas não deixem de passar por aqui para conferir não, viu?

PROMO DO PRÓXIMO EPISÓDIO

Reações:

Sobre o Autor

 
Top