Comentários
Mariana Ribeiro Mariana Ribeiro Author
Title: [REVIEW] PRETTY LITTLE LIARS - S05E16: OVER A BARREL
Author: Mariana Ribeiro
Rating 5 of 5 Des:
Agora sim sabemos de onde veio a faca do episódio anterior. Acontece que Mona, precavida como sempre, deixou uma espécie de mensagem ...

Agora sim sabemos de onde veio a faca do episódio anterior. Acontece que Mona, precavida como sempre, deixou uma espécie de mensagem automática a ser enviada para as liars, contendo coordenadas de onde seu computador foi colocado, depois de sua morte. Acontece que Caleb e Spencer – que aliás contraria Toby, que, por sua vez se mostra ainda muito misterioso e insistente em não ir atrás de respostas, o que é, no mínimo, suspeito e chato – encontram um armazém cheio de pertences ensanguentados de Mona e, inclusive, um barril com ácido que provavelmente está agindo para dissolver seu corpo, no estilo Breaking Bad de sumir com as pessoas, ou, como Spencer deixa entender, pode estar conservando o corpo.

Fora isso tudo, que ocupou grande parte do episódio, o mais interessante foi que o armazém está alugado no nome de Hanna. Vi por aí que parece existir uma forte teoria de que Hanna pode ser “A” e que trabalhava juntamente com Mona contra Alison, que sempre maltratou a todos. Claro que ela teria mais alguma ajuda, afinal, “A” provavelmente é uma empresa e não somente uma pessoa. Detalhe: Alison teria realmente matado Mona, dessa maneira. Este acontecimento do armazém deu um pouco mais de apoio para essa teoria, mas com certeza haverá algum tipo de explicação para tudo, como sempre. Porém, isso não siginifica que possa ser mentira, aliás, toda teoria deve ser considerada verdadeira até que se prove quem realmente é “A”. Mas é certo que “A” provavelmente não é Alison, pois ela sempre trabalhou contra esta, e continua, uma vez que Alison ainda está na prisão. 


Outro detalhe que me levou a refletir foi o final do episódio em que vemos “A” mexendo no computador de Holbrook. Em minha opinião, e acho que de muitos também, ele provavelmente se encontra morto em algum canto e “A” somente está colocando suspeitas em cima do indivíduo para distrair os personagens da realidade, e, na verdade, nem está se esforçando muito. Além disso, sabemos quem possivelmente “cuidou” de Mona, foi CeCe Drake, que deixou isso meio no ar no episódio especial de Natal. Não é possível afirmar nada, mas é uma possibilidade. 

Em relação à Emily e Aria temos um pouco de drama em relação aos seus amores. Emily desiste de ir atrás de Paige e decide enviar algumas de seus pertences que ficaram em Rosewood para a California e parece estar dando mais espaço para Talia, a nova personagem da série, juntamente com o pintor amigo de Spencer, que aliás, deu alguns conselhos a respeito da vida, já que ela não quer ir para faculdade alguma em que se inscreveu. Já Aria, deseja contar para Ezra a verdade, até porque se ela não o fizer, “A” o fará. Ela também tentou se econtrar com “A” que na verdade assinou a mensagem como um “H”, que como disse, foi pura enrolação, pois não deve mais existir Holbrook algum. 


Para finalizar, temos a repentina volta de Ted, que, sinceramente, já tinha esquecido, afinal, os personagens somem e voltam para série tantas vezes que perdemos a conta. Assim, sem esperanças para Ashley em nenhum aspecto, pelo menos aparentemente, já que ela resolve contar a realidade sobre ela e Jason para Ted. Enfim, muitas perguntas e coisas para acontecer ainda. 

PROMO DO PRÓXIMO EPISÓDIO:

Reações:

Sobre o Autor

 
Top