Comentários
Mariana Ribeiro Mariana Ribeiro Author
Title: [REVIEW] FAMILY GUY - S13E13: DR. C AND THE WOMEN
Author: Mariana Ribeiro
Rating 5 of 5 Des:
Depois de Stewie grávido de Brian temos um episódio mais ameno, centrado, dessa vez, em Cleveland, o que convenhamos, já estava na hora...

Depois de Stewie grávido de Brian temos um episódio mais ameno, centrado, dessa vez, em Cleveland, o que convenhamos, já estava na hora. Na verdade, estava mais do que na hora, tanto que a própria série faz piada com essa situação de Cleveland ter voltado e ainda assim não ter muita presença tal como tinha no passado, antes de The Cleveland Show.

Assim, Cleveland, influenciado por seus fantásticos amigos, abre um consultório e banca o psicologo – quem dera fosse fácil assim. Dessa maneira, se inspirando até mesmo em Sherlock Holmes pela roupa quadriculada, ele acaba ajudando o prefeito Adam West, que aliás, descobrimos ser um sociopata – o que explica seu comportamento infantil, como um disfarce – e também Lois, que acaba descobrindo que o problema em sua relação com Peter é nada mais, nada menos que este mesmo. Isso na verdade resgata o episódio Encyclopedia Griffin, anterior ao da semana passada, que mostra exatamente essa crise no casamento de ambos, que, portanto, parece não estar resolvida. 


Além dessa história, também temos como plano de fundo a história de Meg e seu novo trabalho no aeroporto, que, por sinal, não dura muito. Acontece que Meg, uma vez na história do episódio, é realmente considerada bonita no local onde trabalha, mas nem isso colabora para o seu sucesso, já que se mete em uma briga com sua colega de trabalho no estilo jail mesmo. Ou seja, para concluir: Meg nunca vai se dar bem, não importa quais sejam as circunstâncias. 

Voltando a Peter e Lois, temos umas cenas engraçadas de ambos tentando fazer coisas juntos. Não pode escapar daqui a cena do golfe, em que Peter tem um chilique com Lois. Enfim, Peter começa a  não gostar nada da situação e acaba chantageando Cleveland para que não aconselhe mais Lois. A infantilidade dos supostos adultos da série não tem limites, já que Cleveland decide sumir de tudo e todos. Aqui vale lembrar como ele é encontrado: por indicações de balões como legendas que aparecem na tela, não só para nós espectadores, como para os próprios personagens, que seguem estas indicações, o que mostra a referência a si mesma que é tão típica de série, além de afirmar ainda mais a posição de Cleveland na série atualmente, já que dificilmente alguém lembrava que ele tinha uma espécie de padaria. Entretanto um aviso foi para nós: Brian não fez falta no episódio, apesar do fato de que quando ele morreu os fãs fizeram o maior estardalhaço (com razão!). Mas devo confessar que não deu para sentir falta mesmo. Ops.


Fora isso, algumas referências tais como ao restaurante Outback Steakhouse e com gente de aparência duvidosa em jogos de basebol foram os pontos de maior relevância em termos de piadas típicas da série. Assim, acabamos o episódio com Meg sendo ignorada por Peter, como sempre. Em geral foi um bom episódio, pois equilibrou um pouco a série após o anterior, e o fez sem ser chatinho como o episódio da mãe de Quagmire. 
Reações:

Sobre o Autor

 
Top