Comentários
Ayla Aguiar Ayla Aguiar Author
Title: [REVIEW] FOREVER S01E15 – THE KING OF COLUMBUS CIRCUS
Author: Ayla Aguiar
Rating 5 of 5 Des:
Apresento aqui um dos episódios mais fofos da série. Enquanto o episodio apresenta o caso do assassinato o filho de um rei exilado de...

Apresento aqui um dos episódios mais fofos da série. Enquanto o episodio apresenta o caso do assassinato o filho de um rei exilado de um país perto da Rússia, temos como plano de fundo o Abe querendo descobrir a própria arvore genealógica, e o flashback de uma viagem de lua de mel do Henry com a falecida esposa.

Só amo o jeito que a série interliga tudo isso de um jeito muito foda sabe, o assassinato, os flashbacks, e as vezes uma historia envolvendo o Abe. Porque às vezes nos sentimos compelidos a descobrir nossa arvore genealógica? E o episódio vem trazendo isso, essa necessidade, que as vezes é traduzida num sentimento de descobrir da onde viemos, quem foram nossos antepassados, como nos comportamos, se temos algumas características.

E dá pra entender bem isso em pessoas que cresceram sem saber quem eram seus antepassados, mesmo tendo sido criados com amor, como o Abe. O caso teve algo parecido: uma família real que foi exilada por um golpe militar, veio pros EUA e lá permaneceu. O que meu mais raiva nesse caso foi que o assassino matou o filho do rei, porque sangue com sangue se paga, pois na época da monarquia, a família do assassino sofreu muito.


Só que não tinha necessidade! Porque a vítima já estava com câncer e não tinha feito nada pra família do cara, o príncipe já não estava mais no país na época, e quem fez o que fez com todas as famílias foi o pai dele (o que deu a entender), não o menino, a criança não tinha culpa. Pra que, como disse o assassino, pagar sangue com sangue? E o pior: ele foi atrás da filha do príncipe, já que infelizmente, o homem não teve filhos com a mulher, e em um caso, ele teve uma menina e descobriu já depois de severamente doente.

E sobre a filha da vítima: ela tinha essa mesma necessidade de descobrir da onde veio, já que era órfã até a pouco tempo, antes da vítima do episódio aparecer falando toda a historia do reinado, falando que era o pai dela, e a menina sem acreditar. Só sei que no fim deu tudo certo, a rainha exilada acabou indo conhecer a enteada, e descobriu que o falecido marido também tinha um neto. E as duas começaram a se conhecer.

Agora sobre o melhor e mais bonito e fofo momento do episódio: nessa pequena jornada de descobrir sobre seus antepassados, desde que perdeu os pais na guerra e descobriu quem eram agora, o Abe descobre que ele e o Henry tem parentesco de sangue, no qual a uns 250 anos atrás eles tiveram um parente em comum. Vocês não tem ideia do quanto eu fiquei besta nessa cena, foi tão fofo ele descobrindo isso e contando pro Henry. Awwwnn!


P.S: E aaaahhh, a cena do bebê da filha do rei, que tava com o Henry e a Jo no hospital enquanto não permitiam que ele entrasse pra ser entregue a avó postiça, gente, NINGUÉM SAI, MEU SHIP! Essa cena! *_______*
Reações:

Sobre o Autor

 
Top