Comentários
Bernardo Seben Bernardo Seben Author
Title: [REVIEW] BETTER CALL SAUL - S01E09: PIMENTO
Author: Bernardo Seben
Rating 5 of 5 Des:
Você, fã de Breaking Bad, e que no momento está acompanhando Better Call Saul, por acaso você já ouviu falar no nome de Thomas Schnauz?...


Você, fã de Breaking Bad, e que no momento está acompanhando Better Call Saul, por acaso você já ouviu falar no nome de Thomas Schnauz? Dificilmente, são poucos que notam a existência dele. Eu mesmo só descobri quem ele era há pouco tempo. Agora, o que você provavelmente deve lembrar, é de um dos diálogos mais famosos e cultuados da televisão americana, no famigerado episódio "Say My Name". Pois é, Thomas Schnauz foi o roteirista e o diretor daquele memorável episódio da série-mãe. Aliás, foi sua primeira e até então única aventura como diretor, visto que sua ocupação real reside no roteiro. Até então... Eis que ele volta, neste início de 2015, a fazer a dobradinha "roteiro + direção", e entrega à televisão, mais um dramático e memorável episódio televisivo.

Me arrisco a dizer que tenha sido o melhor episódio de Better Call Saul até o momento - provavelmente sendo o ponto de partida para a transformação de Jimmy McGill em Saul Goodman (qualquer semelhança com Walter se tornando em Heisenberg é mera genialidade). Em um episódio preenchido por cenas longas, como Breaking Bad fazia frequentemente em suas temporadas iniciais, fica difícil agradar a todos. Mas o roteiro dá conta de garantir a atenção fiel do telespectador, senhoras e senhores, dá muita conta. A cena do Mike no estacionamento (com a participação do genial Trevor Phillips do GTA V <3), por exemplo, durou sete minutos. É um tempo relativamente longo para apenas uma cena de um episódio com cerca de 45 minutos. Ainda assim, não sei se pra vocês teve igual efeito, mas a cena fluiu de forma muito rápida, sendo cativante desde o momento inicial.


E o Mike, hein? Aquele personagem que no comecinho da série aparecia pouquíssimo, e apenas para demonstrar sua bizarra paixão por adesivos, se tornou "gente grande". Estava até soando estranho o pouco destaque dado a ele, mas a causa óbvia disto, era a necessidade que a série possuía no momento em introduzir e desenvolver o protagonista, Jimmy McGill. Aos poucos, o Mike se tornou o co-protagonista da série, roubando definitivamente o destaque, e se tornando o grande amor do público. Após receber um episódio inteiro focado nele, o personagem cresceu ainda mais. Neste episódio, a evolução continuou a pleno vapor. Após, com muita frieza, assustar dois "concorrentes", mesmo sem uma arma, apenas carregando o seu "pimento sandwich", ele tomou a liderança das negociações, e não apenas protegeu seu cliente (que aliás, era muito parecido com o Lester do GTA V <3), como deu uma aula de psicologia criminal ao inseguro fora-da-lei iniciante.

Porém, por mais que o Mike tenha tentado roubar a cena, o arco do Jimmy entrou na disputa de igual pra igual e venceu. Até o momento, sempre foi possível traçar semelhanças e contrastes entre Jimmy McGill e Saul Goodman, apesar de serem a mesma pessoa. Após este episódio intenso, no qual todo o bom-intencionamento do personagem parece ter ido pela descarga, principalmente por causa da sacanagem do Chuck (se tornando cada vez mais um fdp), não fica difícil perceber que a raiva tomou conta do personagem - e que a linha entre a pilantragem e a inescrupulosidade fica cada vez mais tênue.

Tenso, dramático, ao mesmo tempo engraçado e excelentemente executado. Better Call Saul segue superando expectativas. Uma aula de como transformar um alívio cômico coadjuvante, em um protagonista complexo. Aliás, após a reação positiva a esta série, será que a AMC entrará de vez na onda dos spin-off's? Já anunciou um de The Walking Dead, e se especula fortemente um de Mad Men (que, inclusive, retorna semana que vem para sua leva de episódios finais). Isso abre uma excelente discussão: será que a AMC deve mamar nas tetas de seus sucessos, ou investir naquilo que a tornou uma respeitável emissora, as produções originais de qualidade?

PROMO DO PRÓXIMO EPISÓDIO (o último da temporada):

Reações:

Sobre o Autor

 
Top