Comentários
João Carlos João Carlos Author
Title: [REVIEW] LAW & ORDER: SVU: S16E21 - PERVETED JUSTICE
Author: João Carlos
Rating 5 of 5 Des:
Se em alguns casos é difícil provar quem é o culpado, imagina tentar provar a inocência de uma pessoa que está presa por quase duas dé...

Se em alguns casos é difícil provar quem é o culpado, imagina tentar provar a inocência de uma pessoa que está presa por quase duas décadas? É essa a premissa desse episódio.

Derek Thompson que foi acusado de abusar de sua filha na época com seis anos, Michele, está preso por 17 anos. Até então tudo indicava que ele era culpado pelo crime, pois com base no testemunho da própria Michelle ele foi condenado por muitos anos de prisão. Michelle agora adulta começa a duvidar do ocorrido e de acordo com o Programa de 12 Passos para pessoas com dependência química ela tenta fazer o que é certo com seu pai, tenta reparar um erro do passado que fez seu pai ser preso. Por toda a sua infância Michelle sofreu por contar uma mentira por pressão da mãe e ter afastado seu pai da família e também de ter arruinado a vida do mesmo.

Mas como Michelle poderá ajudar seu pai a sair da prisão? Ela conta com a ajuda do Reverendo Curtis Scott, que volta para mais um episódio da série, e o mesmo diz que conhece algum que pode ajuda-la e este alguém é Bayard Ellis um defensor da justiça que participa de uma programa chamado Projeto Inocência que ajuda a pessoas reabrirem casos antigos e que tenta auxiliar as pessoas que foram presas erroneamente.

A última aparição de Bayard Ellis na série foi na metade da 14ª temporada. Andre Braugher sempre que aparece na série como Bayard é um show de interpretação. Bayard é uma pessoa que não tem papas na língua, fala o que vê, e é um grande defensor da justiça, fará sempre o necessário para ajudar quem realmente precisa. Ele pega o caso de Derek Thompson e fará o máximo para inocenta-lo e pede uma ajuda para Olivia Benson com quem já trabalhou e tem uma afinidade.


Como era uma caso de 17 anos atrás o caso foi registrado não pela SVU, mas por um outro departamento da policia e sabendo disso Benson pede ajuda de aposentado Capitão Don Cragen. Achei bem interessante a volta do personagem. Quem é fã da série sabe que a saída do personagem foi uma grande perda para a mesma. É legal quando a série traz de volta alguns dos personagens que já fizeram aparições na série. A alegria dos detetives ao ver seu antigo capitão de volta mesmo que seja por pouco tempo foi ótimo de se ver. A aparição do personagem durou pouco, mas valeu muito a pena.

E não foi só a volta de alguns personagens para nos fazer relembrar. Também tivemos vários atores nesse episódio que são bastante conhecidos de vários seriadores. Tivemos a presença do ator Robert Sean Leonar, famoso pelo seu papel Dr. Wilson da série House M.D, interpretando o promotor Kenneth O’Dwyer. Também tivemos a presença de dois atores da série Orange is the New Black a atriz Samira Wiley (Poussey) fazendo o papel da filha Michelle e também o ator Nick Sandow (Joe Caputo) como o detetive responsável pela prisão de Derek chamado Ted McComarck. Em episódios de série procedural e mais interessante quando alguns personagens de mais destaque sejam rostos conhecidos, pois assim teremos mais empatia para com os personagens.


Agora a única coisa que eu não gostei da resolução do episódio foi a dúvida no final que jogaram abruptamente nos 45 minutos do segundo tempo. O caso todo estava girando em torno da inocência de Derek e no episódio todo acreditamos nisso e no final Michelle começa a duvidar sobre a inocência do pai. Se no meio do episódio tivesse surgido essa dúvida seria mais crível esse questionamento e não no final do episódio após Derek ser considerado inocente.

PS: A cena do batizado de Noah, linda de mais. E de acordo com a Olivia, falta poucos dias para a adoção oficial sair. Será que esse será o desfecho da temporada?

PS: Carisi todo animadinho na presença tanto de Bayard e do capitão Cragen.

PROMO DO PRÓXIMO EPISÓDIO:
Reações:

Sobre o Autor

 
Top