Comentários
Yngrid Oliveira Yngrid Oliveira Author
Title: [C.NERD] RESENHA - EU SOU MALALA
Author: Yngrid Oliveira
Rating 5 of 5 Des:
Quando o Talibã tomou controle do vale do Swat, uma menina levantou a voz. Malala Yousafzai recusou-se a permanecer em silêncio e...



Quando o Talibã tomou controle do vale do Swat, uma menina levantou a voz. Malala Yousafzai recusou-se a permanecer em silêncio e lutou pelo seu direito à educação. Mas em 9 de outubro de 2012, uma terça-feira, ela quase pagou o preço com a vida. Malala foi atingida na cabeça por um tiro à queima-roupa dentro do ônibus no qual voltava da escola. Poucos acreditaram que ela sobreviveria.

Mas a recuperação milagrosa de Malala a levou em uma viagem extraordinária de um vale remoto no norte do Paquistão para as salas das Nações Unidas em Nova York. Aos dezesseis anos, ela se tornou um símbolo global de protesto pacífico e a candidata mais jovem da história a receber o Prêmio Nobel da Paz. Eu sou Malala é a história de uma família exilada pelo terrorismo global, da luta pelo direito à educação feminina e dos obstáculos à valorização da mulher em uma sociedade que valoriza filhos homens. 

O livro acompanha a infância da garota no Paquistão, os primeiros anos de vida escolar, as asperezas da vida numa região marcada pela desigualdade social, as belezas do deserto e as trevas da vida sob o Talibã. Escrito em parceria com a jornalista britânica Christina Lamb, este livro é uma janela para a singularidade poderosa de uma menina cheia de brio e talento, mas também para um universo religioso e cultural cheio de interdições e particularidades, muitas vezes incompreendido pelo Ocidente. 

“Sentar numa cadeira, ler meus livros rodeada pelos meus amigos é um direito meu”, ela diz numa das últimas passagens do livro. A história de Malala renova a crença na capacidade de uma pessoa de inspirar e modificar o mundo.


Conta a trajetória de Malala e sua família que foi exilada de sua cidade e de seu país devido ao terrorismo feito pela organização do talisbã. A jovem Malala se tornou um símbolo global de protesto pacífico na luta pelo direito à educação feminina e na valorização da mulher, além de ser também um exemplo de jovem, mulher e ser humano que luta por uma sociedade mais justa. Num continente com pouca liberdade de expressão Malala não se deixou calar ou manipular mesmo depois de proibido seu direito de receber educação em escola e de ter sido baleado por um talibã.
Minhas considerações:
1- Eu tenho um interesse em conhecer outras culturas tanto as partes bonitas como as tristes. Ainda por cima algo tão atual. Então é lógico que eu amei conhecer um pouquinho sobre os costumes das pessoas no Paquistão.
2- Também amo conhecer histórias de pessoas influentes, mais ainda de pessoas que lutam pela paz e igualdade e, Malala foi a mulher mais jovem a receber o prêmio Nobel da paz com 16 anos. Este é um livro real, de pessoas e histórias reais, que nos mostra que o poder que cada indivíduo tem numa luta pelos direitos, assim como a união da força de vários indivíduos. Além de reforçar a minha crença de que o conhecimento e a leitura é a chave para se ter um universo de ideias
 Este livro desmistifica o preconceito que se tem com o Paquistão, porque quando alguém fala de lá a primeira coisa que vem a nossa mente é guerra e terrorismo, pois a mídia só passa esta imagem de países do Oriente Médio. Já nas palavras de Malala, vemos que há pessoas que fazem tudo pelo poder, há pessoas controladas por essas entidades, e que se deixam levar devido à sua ignorância.  Mas que também há muito mais que destruição e insanidade, há pessoas de bem, que ali também tem beleza.
Minha única crítica negativa para este livro seria para seguir melhor a ordem cronológica dos acontecimentos.
Frases que me marcaram:

“Nenhuma luta jamais logrará êxito sem que as mulheres participem lado a lado com os homens”


“São as nossas armas mais poderosas. Uma criança, um professor, um livro e uma caneta podem mudar o mundo”



AUTOR (A): Christina Lamb
NÚMERO DE PÁGINAS: 360
EDITORA: Companhia das letras
LANÇAMENTO: 2013
ONDE COMPRAR: Clique aqui
Reações:

Sobre o Autor

 
Top