Comentários
Mariana Ribeiro Mariana Ribeiro Author
Title: [REVIEW] FAMILY GUY - S14E03: GUY ROBOT
Author: Mariana Ribeiro
Rating 5 of 5 Des:
Tivemos muitos acontecimentos nesse terceiro episódio da nova temporada, que vão desde piadas com comediantes, até amigos robôs e colch...

Tivemos muitos acontecimentos nesse terceiro episódio da nova temporada, que vão desde piadas com comediantes, até amigos robôs e colchões novos. Também vimos mais uma vez a família ignorar Meg, que ocorre ao menos duas vezes no episódio – Brian possuindo apenas quatro contatos na agenda (Stewie, Chris, Lois e Peter) e Peter procurando Meg, que foi sequestrada junto com seu cartão de compras, que depois de recuperar, esquece Meg no poço onde o sequestrador a mantém. Assim, nada de novo em relação à certos elementos.

Contudo, já que mencionamos Brian, uma das partes do episódio foi dedicada a mostrar sua tentativa de se tornar um comediante de stand-up, mas, sendo Brian, suas piadas inteligentes acabam por não agradar ninguém. Isso o leva a trapacear, como sempre, roubando os comentários maldosos de Stewie no twitter sobre famosos e afins. Assim, Brian consegue fazer sucesso e também, desfazer sua amizade com Stewie. Parece que tudo ainda continua no mesmo esquema de sempre, mas é exatamente aqui em que entra a parte do robô que Stewie cria para ser seu amigo, e em que tudo fica mais interessante.



Cabe ressaltar que o episódio, se observarmos bem, girou em torno da tecnologia em geral: pudemos ver a página do facebook entediante de Lois, Lois e Peter perguntando o nome do colchão na loja e comprando pelo Amazon – que, diga-se de passagem, não é a primeira vez que é alvo de piadas da série – e, por fim, o amigo robô de Stewie evoluindo e adquirindo inteligência suficiente para construir amigos próprios, tão inteligentes quanto ele. Essa parte foi uma verdadeira espécie de Black Mirror, ainda mais quando Stewie é torturado e abandonado por seus colegas robôs do mal. As cenas do cotidiano dos robôs, que dominaram o quarto de Stewie, também foram muito bem pensadas.

Ah, falando no colchão mencionado acima, a segunda parte do episódio gira em torno de Lois comprando um novo, e também não querendo mais ter relações com Peter para mantê-lo o mais novo possível. Obviamente, Peter e a turma vão resgatar o velho colchão, que acaba no lixo de qualquer jeito. Contudo, nessa busca aprendemos várias coisas, dentre as quais o fato de Bruce ser um ator pornô, e de que um hospício de 1950 ainda está presente e funcionando em Quahog. Assim, podemos dizer que ao que já era antigo e repetitivo, o episódio conseguiu acrescentar elementos novos. 



Portanto, foi um episódio com duas histórias nada extraordinárias e que ainda assim conseguiram ser bem originais, além de apresentar vários momentos engraçados, mais do que tivemos nos episódios anteriores. Por fim, quem não estava sentindo a ausência do velho pervertido Herbert?

Reações:

Sobre o Autor

 
Top