Comentários
Jeferton Santos Jeferton Santos Author
Title: [REVIEW] THE LEFTOVERS - S02E01: AXIS MUNDI
Author: Jeferton Santos
Rating 5 of 5 Des:
Após uma longa espera finalmente podemos voltar a assistir o brilhante drama de The Leftovers. Com toda essa espera a expectativa só au...


Após uma longa espera finalmente podemos voltar a assistir o brilhante drama de The Leftovers. Com toda essa espera a expectativa só aumentou e felizmente a segunda temporada começou com o pé direito, conseguindo trazer todas as características que tornaram a primeira temporada tão boa.

Somos apresentados logo de início a nova abertura da série, que apesar de não ter uma música que seja do meu gosto, consegue transmitir bem o estilo e sentimento da série.

1

O episódio começa uma espécie de prólogo, apresentando os desafios que uma antiga índia precisa enfrentar para criar seu filho após toda a sua tribo morrer. Confesso que de início achei um pouco confuso e fiquei tentando procurar alguma ligação entre esse acontecimento e o presente. O que teria a ver aquela mulher e sua criança com personagens atuais da série? Ou a ligação seria a catástrofe que matou toda a tribo dela? As respostas (e mais perguntas) só chegaram após eu ver o título do episódio "Axis Mundi". Axis Mundi é uma palavra em latim que significa "Centro do Mundo", um símbolo presente em várias culturas que representa o ponto onde a Terra e "os mundos superior e inferior" se encontram e as mensagens e bençãos podem transmitidas. Diz-se que é o ponto de início do mundo. Seria essa a resposta do porquê a cidade de Jarden, Texas não ter tido nenhuma pessoa "arrebatada"? Seria ela o Axis Mundi? Como é de se esperar a série não nos dá nenhuma resposta clara sobre isso, mas esse é o charme de The Leftovers.

Família Murphy


2

Pelo menos nesse primeiro episódio o centro da história é a Família Murphy, que nos é muito bem apresentada ao longo dos 40 minutos. A primeira vista eles parecem ser um exemplo de família, pais atenciosos, filhos dedicados, vão todo fim de semana no culto da Igreja; mas, conforme o episódio vai passando podemos ver que existem alguns "segredos" no meio deles. Evie, a filha mais nova, aparenta ser uma típica adolescente e como tal não é de se estranhar seu comportamento meio rebelde, mas duas coisas a tornam mais estranha que outros adolescentes "normais" é que é o fato dela estar correndo nua pela floresta junto de suas duas amigas e seu sumiço no final do episódio, que é o maior mistério do episódio e o que nos faz aguardar pelo próximo; John é o Pai e o que é mais cercado por segredos e mistérios, começando pela sua fixação pelo grilo que se esconde na casa (Isso lembra bastante a fixação que Kevin tinha na primeira temporada pelos cães) e logo após descobrimos que ele participa de um grupo de bombeiros anti-fanáticos que incendeiam casas e já foi preso por cometer homicídio e se você ainda acha pouco, ele teve a sua mão lida e um antigo colega previu que um grande mal vai lhe acontecer; Erika, a "mãe e enfermeira" aparenta não ter grandes segredos, a não ser pelo fato dela desenterrar um caixa com um passarinho dentro e ele sair voando! Terá isso algum envolvimento com o fato de nenhuma pessoa ter desaparecido da cidade? Seria esse, de fato, um milagre?; por fim temos Michael, que ainda não apresentou nenhum segredo, mostrando ser apenas um bom garoto religioso.

É um fato que The Leftovers tem um desenrolar da história meio lento, o que torna ainda mais incrível a forma como nesse episódio foram mostrados tanta coisa sobre tantos personagens sem perder esse ritmo característico.

A volta dos Garvey


3

Nem tudo da primeira temporada fora deixado para trás nesse primeiro episódio. Apesar de aparecem pouco nesse primeiro episódio, os Garvey (junto com o Pastor Matt e sua esposa catatônica) tem uma boa presença, criando alguns laços de relacionamento com os Murphy, principalmente a Jill com o Michael e uma certa rixa entre Kevin e o John.
Reações:

Sobre o Autor

 
Top