Comentários
Janaína Rosa da Silva Ferraz Janaína Rosa da Silva Ferraz Author
Title: [REVIEW] SCANDAL - S05E02: YES
Author: Janaína Rosa da Silva Ferraz
Rating 5 of 5 Des:
Depois de uma semana de ansiedade, fiquei decepcionada, pois, logo nas primeiras cenas, Olivia foge da Casa Branca e aceita trabalhar e...

Depois de uma semana de ansiedade, fiquei decepcionada, pois, logo nas primeiras cenas, Olivia foge da Casa Branca e aceita trabalhar em um caso. Portanto, já temos quase certeza de que este não é o episódio no qual ela lida com o fato de ser amante do presidente dos EUA. Mais uma vez, as expectativas recaem para como a história continuará, tanto que o título do episódio, Yes, aparece apenas na última cena em um momento "blowing everyone's minds". Eu pulei da cadeira, e vocês seriadores?

O caso em si foi previsível e boring, mas era necessário para Olivia perceber a semelhança de sua situação com a de Gavin (dois fugitivos) e decidir como enfrentar a situação e qual seria o próximo passo. Levando em conta o final, assumir as consequência dos próprios atos foi a estratégia escolhida. 

Jake, como sempre, é maravilhoso, agindo ao mesmo tempo como ombro amigo, defensor e conselheiro. A cena de encurralamento no restaurante foi muito boa, tornado possível sentir a asfixia e o desespero da Liv com todo aquele tumulto envolta dela. 


Abby, ao seguir os conselhos do Cyrus, é a quem realmente age diante do escândalo. Achei um pouco ingênuo da parte do Fitz precisar ouvir da Abby que a Liv nunca aceitará a posição de amante, que, mais uma vez, ela fugiu com o Jake e tenta se manter longe da tempestade. Mas, talvez, como diz Cyrus, Fitz seja apenas um criança, portanto, a verdade (ou a verdura no caso da criança) precise mesmo ser forçada garganta abaixo. Já Abby se mostrou pouco ambiciosa, pois ao descobrir a verdade sobre o vazamento das fotos, exigiu de Lizzie apenas um trabalho em equipe, entre iguais. Ambas alianças da ruivinha são apostas arriscadas, mas veremos o que o futuro aguarda. 

Mellie, vulgo diva maravilhosa, se defende das acusações de Fitz argumentando não fazer sentido ela vazar as imagens e exige apenas desculpas do presidente para, mais uma vez, encenar o papel de casal feliz. Concordo com o raciocínio de que uma senadora traída seria vista como uma mulher frígida, incapaz de satisfazer o seu marido na nossa cultura machista. Mas convenhamos que Mellie precisa mostrar mais do que isso para chegar à presidência. Sobre tentar jogar a carta do casal  forte e unido, sinceramente, isso já cansou. A imprensa e o público americano não são tão ignorantes como eles imaginam.


Huck e Quinn, como sempre, protagonizam ótimas cenas, foi bom ver que eles parecem ter achado um jeito de voltar a ser pelo menos um pouco do que costumavam ser. Quinn foi justa ao perceber que, se tem algo errado com Huck, há também com ela. Huck dizendo I miss you deixou tudo mais sensível e emotivo. E, claro que ele não foi "fixed" pelo Jake. Não acho que haja conserto para isso. 

Agora, o que podemos esperar para o próximo episódio? Momentos antes da entrevista do casal perfeito, Liv revela ter um caso com o presidente, então, sinceramente, eu não sei. Ela mesma havia assumido para Jake estar com medo e não saber o que fazer. Acredito que, ao ouvir a mensagem do presidente, ela resolveu colocar o amor acima da sua profissão e da sua imagem e reputação. Se foi uma boa decisão, só o tempo dirá.

PS: Susan maravilhosa dando uma lição de moral no presidente. 
PS2: Jake de conchinha com Liv fecha os olhos ao sentir o perfume dela. Gostaria de ver surgir um novo interesse amoroso para ele.

 "PROMO DO PRÓXIMO EPISÓDIO:PARIS IS BURNING"

Reações:

Sobre o Autor

 
Top