Comentários
Janaína Rosa da Silva Ferraz Janaína Rosa da Silva Ferraz Author
Title: [REVIEW] SCANDAL - S05E05: YOU GOT SERVED
Author: Janaína Rosa da Silva Ferraz
Rating 5 of 5 Des:
Depois de um episódio bom, somos apresentados, esta semana, a um episódio mediano. Porém, ele tem seus méritos, pois soube equilibrar as...

Depois de um episódio bom, somos apresentados, esta semana, a um episódio mediano. Porém, ele tem seus méritos, pois soube equilibrar as cenas dramáticas com as sequências mais rápidas, dando ritmo. Além disso, temos o retorno de personagens já esquecidos e a volta triunfal do amado por alguns e odiado por tanto outros, Cyrus Beene.

O plano para melhorar a reputação de Olivia era razoavelmente simples: mostrá-la como "a woman of people", uma pessoa como outra qualquer. Portanto, nada de roupas de grife compradas no shopping ou de pedir comida em casa. Também faz parte do plano alguém, com uma boa imagem, atestar o bom caráter dela. Eis que retorna o ex noivo de Olivia, Edison. E, mais uma vez, temos a equação amor não correspondido = ressentimento + mágoa. Ele concorda em ajudá-la, mas, não sem antes vê-la assumir ser "an idiot, a whore, and a liar" (Afirmações próprias sobre ela, se tivesse algum tipo de relacionamento com o presidente). Parecia que o plano tinha funcionado, até vir à tona o anel de família dado à Olivia por Fitz. Ignorar a principal regra (Não mentir) que ela mesmo impõe aos seus clientes foi imperdoável. Só restou utilizar como estratégia a imagem da mulher apaixonada, do grande romance.

E aí que as coisas ficaram complicadas, e, como sempre, ela recorre ao Jake em busca de ajuda. A cara dela quando viu Elise com ele foi impagável, eu juro que o constrangimento presente naquele cômodo vazou e chegou aqui em casa. Apesar de estar com medo de que, ao assumir seu amor por Fitz, ela fique para sempre atrelada ao nome dele e ao escandâlo, ela resolve seguir o conselho de Jake e dizer a verdade ao mundo em uma entrevista exclusiva.

A estratégia funcionou, o público simpatizou com ela, até o apresentador ficou com os olhos vermelhos. Afinal, quem iria querer um amor sofredor como esse? Quem escolheria trazer sofrimento as pessoas que ama, prejudicar os próprios clientes, correr o risco de perder seu próprio negócio? De certo, que não Olivia Pope. Ela assume preferir que eles nunca tivessem se conhecido e termina dizendo ser impossível deixar de amá-lo. Jogue a primeira pedra quem não ama um romance proibido e cheio de dor e obstáculos?

Mas a imagem de Olivia não é a única consequência do caso ter vindo a público. Como vimos anteriormente, há um grupo querendo o impeachment do presidente. Pobre Mellie foi forçada a desistir do comitê por uma questão de conflito de interesses. Ela e Cyrus bêbados assistindo tudo pela TV enquanto comiam besteiras foi bem engraçado.


Enquanto isso, na Pope & Associados, Marcus nós dá um susto ao fingir colaborar com a comissão investigadora, mas logo revela que só queria saber o que eles tinham de prova concreta para o processo. O vídeo do sequestro de Olívia ser a carta na manga foi bem óbvio. Não existe melhor argumento para tirar um presidente do poder do divulgar ao mundo que, pela mulher que ama, ele foi capaz de colocar milhares de americanos em perigo ao começar uma guerra.

E essa foi a deixa para a volta de Cyrus. O presidente pediu seu retorno e claro que ele percebe existir um motivo por trás dessa repentina decisão. Mas, com algumas exigências, concorda em voltar ao trabalho e dizer que, nem ele ou o presidente viram a gravação de Olivia com os sequestradores. O diálogo foi  emocionante e deixou Cyrus de boca aberta ao perceber o quanto o presidente sabia sobre ele e lembrava das coisas. "You're my guy, we are family".


PS1: M-A-R-A-V-I-L-H-O-S-A  a cena de sexo ao som de Robert Palmer cantando Lets Get It On
PS2: Sim, seriadores, a líder do movimento pelo  impeachment  é a Gypsy de Gilmore Girls.
PS3: Ri alto com a melhor conversa do episódio:
Leo: Onde está toda a comida dela?
Huck: Você quer dizer a pipoca e o vinho?

PROMO DO PRÓXIMO EPISÓDIO:

Reações:

Sobre o Autor

 
Top