Comentários
Mariana Ribeiro Mariana Ribeiro Author
Title: [REVIEW] FAMILY GUY - S14E05: PETER, CHRIS & BRIAN
Author: Mariana Ribeiro
Rating 5 of 5 Des:
Depois do episódio relacionado ao Halloween, finalmente temos um episódio centrado em três personagens, como o próprio título diz: Pete...

Depois do episódio relacionado ao Halloween, finalmente temos um episódio centrado em três personagens, como o próprio título diz: Peter, Chris e Brian. Tudo começa, como usualmente, com a história mais improvável de todas, isto é, com Peter querendo recuperar sua coleção de pornô que havia ficado na casa de sua mãe. 

Acontece que o novo proprietário já tomou posse da casa, e isso faz com que Peter e seu grupo elaborem, ou ao menos tentem elaborar um plano para invadir e roubar suas coisas de volta. Cabe aqui comentar o quão presente na série o grupo de Peter está ultimamente, isto é, aparece quase em todos, senão em todos os episódios, mesmo quando sua história não é a principal. Acho ótimo que estejam mostrando mais os quatro juntos, pois desde que Cleveland voltou ele não teve muita função na série até agora, entretanto, parece que as coisas andam voltando àquele tom existente antes de sua saída. 




Enfim, o fato é que Peter se depara com um vídeo de Peter jovem, que acaba o levando a refletir que não deseja a mesma vida para Chris, e, com isso, decide tornar seu filho inteligente. O que parece ser uma missão quase impossível, ao menos é o que qualquer um pensaria, acaba se revelando eficiente, mas não pelas mãos de Peter e sim de Brian, o cão “culto”. As estratégias que Brian usa para influenciar Chris são muito interessantes, mas não chegam a ser humorísticas, por assim dizer. Essa parte do episódio, infelizmente a mais importante, realmente não teve propósito definido.

Pelo menos até aqui já presenciamos várias piadas aqui e ali, como Peter mostrando como é que se viaja sem dinheiro, Peter chorando no carro ao som de uma música triste e sendo rapidamente influenciado por uma música animada, e também Peter e sua fase de andar como um Egípcio, que Lois consegue comparar com a fase de Chris ignorando Peter e seus modos inusitados de se divertir, optando por outro tipo de conteúdo. Como se vê, nos episódios anteriores essas pequenas cenas estavam menos frequentes, pois a história estava muito melhor articulada. Mas como nem tudo é perfeito, ficamos assim, com um episódio normal, sem muito sal e nem açúcar. 




Além disso – coisa que na verdade nem precisaria mencionar – não podemos deixar de ter o final feliz da história, em que Chris descobre a farsa que Brian é, como se não soubesse até agora...Talvez o elemento mais inovador do episódio tenha sido Tom Tucker chamando atenção para o jornal enquanto a família ignora a televisão. Por fim, esperemos que nos próximos episódios tenhamos algo mais parecido com os anteriores, de modo que equilibre a temporada, afinal, um episódio médio aqui e ali não é problema em uma série já em sua décima quarta temporada, mas é necessário episódios melhor estruturados, pois fizeram falta nessa última semana, e mostraram uma vez mais o desgaste que infelizmente a série já sofreu o bastante.

Reações:

Sobre o Autor

 
Top