Comentários
Ayla Aguiar Ayla Aguiar Author
Title: [REVIEW] ONCE UPON A TIME S05E05 – DREAMCATHER
Author: Ayla Aguiar
Rating 5 of 5 Des:
Bom, finalmente tivemos o famigerado episódio que ia deixar todo mundo com o coração doendo e queixo no chão. Tivemos o Merlin ( oh hom...

Bom, finalmente tivemos o famigerado episódio que ia deixar todo mundo com o coração doendo e queixo no chão. Tivemos o Merlin (oh homem difícil pra se conhecer viu), ressuscitaram Stable Queen, teve família Swan Mills (e se reclamar tem duas vezes), mexeram com Swan Believe, algumas cenas Outlaw Queen, teve também mais detalhes sobre o plano da Emma envolvendo o Rumple a Merida: torná-lo corajoso e um herói pra tirar a espada da pedra. E depois de tiros e mais tiros nesse episodio eu posso dizer uma coisa: vai ser difícil superar.

A historia do episodio é basicamente construída aí, enquanto o outro núcleo, em Storybrook, tenta descobrir o que a Emma está planejando. Então, na Floresta Encantada, enquanto a Regina está com os pais da Emma, procurando o Arthur pra entregar a adaga, consequência do pó do episodio anterior, essa última consegue impedir a tempo a desgraça prestes a acontecer.


Então, falando do Merlin, já começa mostrando a historia dele, e pasmem, o lanterninha do cinema que alertou a Emma criança era o Merlin. Deve ter sido obvio pra muita gente, eu sei, mas pra mim foi surpresa. É mostrado que ele teve o coração quebrado pelo Dark One da época, que usando uma lágrima de um coração partido, transformou o mago em árvore. Só que a historia é apresentada por uma Emma usando magia das trevas, ao encantar um apanhador de sonhos para capturar memórias, porque, como a Regina disse: um apanhador de sonhos pode ser muito mais que isso, se souber como usar.

Usando da mesma lógica da lágrima, pode-se criar um feitiço para quebrar a maldição do Merlin. E em Storybrook, o cavalo da Violet, o primeiro crush do Henry desde Camelot perde o cavalo (nhaw, esse fofo *-*), e caiu como uma luva pra ele pedir ajuda a Emma, alegando que sente falta de antigamente, enquanto Regina e o pessoal tenta descobrir o que a primeira está fazendo. Nisso tudo, ainda tem a Merida com o Rumple, tentando fazer o cara entrar numa luta pra salvar a própria vida, para assim torná-lo corajoso, porém sem sucesso algum. Teve também Regina compartilhando a pior dor dela com a Emma: largada, porque essas duas têm melhor amizade para a vida, depois de tudo que elas passaram.


Assim, continuando a história, tivemos o primeiro tiro: ressuscitaram a cena do Daniel e da Regina, pra obter a lágrima de um coração partido, e posso dizer sim que chorei e que doeu muito pouco essa cena, muito pouco. Olha, e eu que pensava que não ia mais chorar, levei um tapa. E logo depois o pobre do Henry leva um fora colossal da garota que ele gosta, ainda em Camelot. Ou seja, choros fiquei. Essa cena doeu mais do que imaginei. Coitado do menino.

E aí na cidade atualmente, o pessoal acha a Excalibur, assim como o cavalo da Violet também é achado, Teve Regina se importando com os amigos, mesmo dizendo que não (huahuahauhau uma das melhores cenas), teve cena Outlaw Queen, e teve um dos apanhadores de sonhos achados. Só que né, voltemos aos choros a partir daí. E foi aí que voltamos ao feitiço pra libertar o Merlin e foi mais uma porrada: a lágrima vindo da Regina não funcionou! Tipo, OI?


Assim, minha amiga me deu uma outra visão. Uma das melhores coisas da série foi ver a evolução da Emma, da Regina e do Henry, ver como eles interagem e tal. E o jeito que foram feitos os acontecimentos mostrou isso: Regina curada, ajudando o Henry com a nova namoradinha, junto com a Emma. Foi uma das melhores cenas do episodio, as duas ajudando o filho com a Violet, culminando nele se torando o herói que possibilitou o feitiço pra Emma fazer a magia de luz. Mas ainda queria ter visto a lagrima da Regina sendo a causa da magia de luz da Emma por tudo que ela passou, já ter superado, e aceitado o que a mãe fez por ela ser assim na época, e que serviu para a mudança dela.

Enfim, a cena logo após superou todas as minhas expectativas: Regina protegendo a Emma do Arthur, que tinha chegado pra impedir de voltarem com o Merlin. E que diabos esse cara quer nessa vida? Frustração dele tá sendo meio injustificável e coisa de criança. E, me deem licença pra dizer: QUE CENA FODA MIGOS! Emma fazendo magia de luz por causa do filho. Foi apenas digno. E finalmente: Merlin! Ver o Arthur sendo colocado no lugar que merece pelo mago: não tem preço! Aplaudi demais esse mago. O Arthur foi a decepção da vida do Merlin! Eitaaa!


Voltando ao apanhador de sonhos achado na casa da Emma, doeu ver a Regina com medo do que podia ver ali, porque para você achar que a outra pessoa pode ter tido boas razões pra tirar a memória de todo mundo por algo ruim, mesmo a Emma sendo a Dark One, é porque o negócio foi e feio e eu vou ficar é doida com a pergunta do século: o que diabos aconteceu?!? Porque, de acordo com o Merlin, ela tinha que aceitar do fundo do coração querer se ver livre das trevas e voltar a ser ela mesma. O que só atiçou a pergunta: será se ela gostou de usar magia das trevas? Ela se sentiu mais livre depois de começar a usar? Minha gente!

E o pior de tudo: quem causou o coração partido do Henry foi a própria Emma! COMO ASSIM COLEGA! Gente, mexeram com Swan Believe, e não fiquei bem com isso! Aqueles sentimentos todos da primeira temporada voltaram, inclusive com a cena da Emma querendo ver o filho no final e não recebendo autorização nem do próprio. Besta! Doeu gente, foi a pior porrada do episódio e da temporada, empatando com a da Regina reviver a dor de perder o Daniel. Agora o que mais trouxe os feelings da primeira temporada foi a conversa da Emma com a Regina, que teve até Ms. Swan. UAU! 


"Don't Miss Swan me. We've been through too much.” Sim, meu coração é Outlaw Queen, mas teve muito Swan Queen, e shippei muito, mas muuiittoo esse bromance delas. Uma das amizades mais bonitas que já vi. Mas assumo que vi do casal nessa cena, eu vi, não teve como não, e foi lindo! Se eu, que sou Regina e Robin primeiramente, vi Swan Queen, é porqye o bagulho foi louco, dolorido, e esse episódio foi delas e do Henry. Ponto. Amei e não foi pouco! E a Regina batendo a porta quando entrou em casa? Henry fechando a cortina magoado, tá tudo doendo aqui

Foi apenas um dos melhores episódios de toda a serie. Gente, será que no próximo episódio vão revelar o que aconteceu em Camelot? O por quê da Emma ter abraçado as trevas? E cadê o Merlin em Storybrook? Porque né, Regina já sabe que ele saiu da árvore. E outra coisa: duvido que era só eu esperando o mago ser um velho fofinho de barba branca né. E que ficou surpresa dele ser jovem. Amei essa diferença.

P.S: Desculpa pelo atraso e só ser postada hoje, desculpa mesmo. Mas essa semana foi extremamente corrida. Vou tentar melhorar :)  
Reações:

Sobre o Autor

 
Top