Comentários
Mariana Ribeiro Mariana Ribeiro Author
Title: [REVIEW] BATES MOTEL - S04E03: TIL DEATH DO YOU PART
Author: Mariana Ribeiro
Rating 5 of 5 Des:
Bom, como acredito que todos os shippers desse nosso mundo estavam esperando, tivemos um episódio quase que dedicado inteiramente à No...

Bom, como acredito que todos os shippers desse nosso mundo estavam esperando, tivemos um episódio quase que dedicado inteiramente à Norma e seu relacionamento com Romero, que vem sendo construído e andando aos poucos desde a segunda temporada, deu uma guinada radical só nesse episódio, uma vez que passaram de falso para verdadeiro casamento dentro de apenas um episódio.

Gostei da ideia, aliás, como disse na primeira review dessa temporada, esperava um foco maior do no personagem de Alex e também algo de positivo na vida de Norma, que vive tendo que lidar com os apagões de Norman e as evidências que surgem e apontam para mais e mais vítimas do nosso querido psicótico, que, aliás, não queria nunca mais ver fora daquela clínica, o que sabemos que, infelizmente, não vai acontecer. Além disso, ainda falando de Norman, certamente Romero pode esperar acordar com uma faca no pescoço qualquer dia depois que Norman deixar aquela clínica, pois, se de fato pensarmos por meio de sua lógica distorcida e obsessiva, Norma nada mais fez que trocar seu filho por Alex, que passou a morar na casa e agora se insere e altera a dinâmica Norma e Norman contra o mundo.


Outra coisa que me irritou foi aquele psiquiatra de uma figa – para não baixar o calão aqui – que sinceramente, me faz repensar cada dia mais toda a qualidade do ensino superior não somente a nível nacional, mas agora também mundial, sério. Não sei o que está acontecendo, um sinal sobrenatural de qualquer tipo talvez, mas já não é a primeira série que vejo representando psicólogos e psiquiatras totalmente incompetentes e moralmente questionáveis... Será que estou exagerando? Mas vejam só: como imaginei, Norman tentou dar uma de inocente, que realmente ele acredita ser, o que daria dó mas não diminuiria a necessidade de reclusão da sociedade, ou quer acreditar, o que o transforma no ser fora de controle que é, e, além disso, pretende acusar Norma de ter assassinado pessoas e revelar tudo para o psiquiatra, que “se verá obrigado”, em suas próprias palavras, a revelar tudo às autoridades... Ainda que provavelmente não haverá nenhuma saída positiva para isso tudo, pelo menos Romero está do lado certo dessa vez, caso algumas balas e desovas de corpo precisem ser feitas...

Falando ainda em Romero e corpos mortos, parece que o dinheiro de Bob Paris ainda vai render algum drama futuro, assim como a questão entre Dylan e seu vizinho, que pelo jeito vai querer descontar em Dylan o que Caleb fez na última temporada. Assim, creio que nosso querido filho pródigo não sairá tão cedo do negócio da fazenda para construir seu possível futuro com a fofa da Emma. 


Enfim, o episódio foi esperado por muito tempo e só isso dispensa outros comentários. Mas vale também ressaltar o fato de que foi bem equilibrado, mostrando um pouco de cada centro da nossa história, isto é, Norma, Norman e Dylan. Além disso, também não pecou pelo excesso, como estavam sendo aquelas cenas de Emma e Dylan nos episódios anteriores e todo aquele draminha de Norman - afinal, sei que pelo menos eu não assisto a série por causa dele, mas sim pela perfeita da Norma – bem como não forçou a barra, pois creio que a situação entre Norma e Romero se desenvolveu com naturalidade e cenas bem construídas.

PROMO DO PRÓXIMO EPISÓDIO:


Reações:

Sobre o Autor

 
Top