Comentários
Ticianni Zabulon Ticianni Zabulon Author
Title: [REVIEW] THE 100 - S03E10: FALLEN
Author: Ticianni Zabulon
Rating 5 of 5 Des:
O peso de suas escolhas começaram a atingir Bellamy com força, literalmente. O Blake mais velho teve mais um choque de realidade com ...

O peso de suas escolhas começaram a atingir Bellamy com força, literalmente. O Blake mais velho teve mais um choque de realidade com a morte de Lincoln e deixou-se levar uma surra da irmã. Porém, mesmo tendo uma participação crucial na captura de Pike, a postura de Bellamy não parece ter mudado tanto. Deixar que Octavia lhe batesse pareceu mais uma forma de deixar que a irmã aliviasse a dor e raiva nele do que uma espécie de auto punição por seus atos. Bellamy ainda mostra manter o mesmo tipo de pensamento que o fez apoiar Pike, ele não se sente mal pelos 300 guerreiros assassinados, no máximo se sente mal por ter falhado com a irmã. Até o inicio do seu milésimo arco de redenção o rapaz está dificultando.



Comecei o episódio atrás de uma cerca anti-Ontari até perceber que ela é só mais uma garota que não cresceu, foi maltratada pela vida, age como uma criança mimada e não tem ideia em que está se metendo. Seria digna de pena se não fossem por seus atos gratuitamente violentos e impulsivos. Ontari que quer ser uma Heda, mas não sabe como ser uma Heda, nunca foi treinada para isso. Pode ser uma exímia guerreira, impiedosa com aqueles que julga inimigos, mas não sabe tratar de políticas e estratégias, não tem calma e sabedoria necessárias para lidar com situações extremas e/ou sobre pressão sem o uso da violência. Agora saio tranquila de minha cerca anti-Ontari pois, mantendo esse tipo de comportamento, a menina não tem grandes chances nesse mundo, principalmente querendo despreparadamente carregar um papel tão importante nas costas. Se não sabe agir como uma falsa comandante, quem dirá uma verdadeira.

Com o arco de Pike aparentemente encaminhando-se para o encerramento, silenciosamente igual a disseminação do domínio de ALIE sobre os Sky People, o plot da cidade das luzes começa a dominar a série. Sorrateiramente a inteligencia artificial conseguiu tomar conta de toda a população da Arkadia. A nossa protagonista chegou aos 45 do segundo tempo, bem no ápice do caos em Arkadia só para descobrir que a situação que já estava ruim, na verdade está pior ainda e que sua nobre missão se tornara apenas mais uma na pilha de problemas complicados a serem resolvidos que caem sobre seus ombros. As férias na Polis infelizmente acabaram, é hora de Clarke voltar a sua dura realidade.


Raven Reyes já passou por diversas provações nessa vida e a possessão tecnológica acaba de entrar em sua lista não tão seleta de torturas. Em um único episódio conseguiram fazer com que a mecânica passasse por todos os seus mil sofrimentos anteriores ao mesmo tempo, quase morresse no processo e ainda acabasse possuída. Nem a NASA explica de onde vem as forças dessa mulher pois em meio a tudo isso ela ainda conseguiu descobrir um meio de bloquear o chip de ALIE. Agora resta seus amigos fazerem sua parte.

Por falar nisso, decidi ignorar todas as ações anteriores de Jasper e considerar esse seu primeiro episódio da temporada por motivos de: esse sim é o Jasper Jordan que conhecemos, ajudando os amigos, se posicionando, em ação. E gostaria de dar não apenas palmas, mas o Tocantins inteiro para Lindsey Morgan pela interpretação da ALIE no corpo de Raven porque até a postura estava igualzinha e estou até agora querendo saber que tipo de magia negra foi usada para que ela imitasse a voz da ALIE naquele nível de similaridade.

PROMO DO PRÓXIMO EPISÓDIO:
Reações:

Sobre o Autor

 
Top