Comentários
Ticianni Zabulon Ticianni Zabulon Author
Title: [REVIEW] THE 100 - S03E11: NEVERMORE
Author: Ticianni Zabulon
Rating 5 of 5 Des:
O resgate de Raven seguiu em foco e como foi bom ver os delinquentes finalmente juntos de novo, empenhados em ajudá-la. As cenas emocion...

O resgate de Raven seguiu em foco e como foi bom ver os delinquentes finalmente juntos de novo, empenhados em ajudá-la. As cenas emocionais desse episódio foram uma obra de arte, mas a possessão tecnológica de Raven foi a arte em si. Os momentos tensos, os olhares perversos e os ataques físicos, só gostaria de agradecer a todos os envolvidos.

Muitas coisas foram distorcidas cruelmente e ditas pela Raven possuída para provocar o descontrole nos amigos, mas em meio a elas haviam várias verdades escondidas. Quem nunca quis dar um sacode daqueles em Jasper? A Octavia vem atacando o irmão com suas próprias versões daquele mesmo discurso há um bom tempo. Então muitos dos questionamentos e comentários vindos de Raven pareciam ter saído diretamente de minha boca, nunca fui tão representada. Porém, como se já não bastasse o recente trágico acontecimento somados aos outros sempre a culpando por tudo, claro que a nossa protagonista não iria escapar dos discursos acusatórios de ALIE/Raven.


Vamos falar sobre Clarke Griffin: quantas vezes Clarke já ouviu calada os amigos a culpando e julgando as decisões difíceis que a mesma fez unicamente para mantê-los vivos? Ela poderia responder, rebater as acusações e se defender, mas não, ela simplesmente os deixa liberarem a raiva nela, escuta calada e ainda pede desculpas, deixando tudo silenciosamente a corroer por dentro. Ela poderia simplesmente abandonar a causa, mas ela faz tudo para ajudar seu povo, sem medir esforços. Clarke merece mais.

Ela foi responsável pela morte de centenas - inimigos e inocentes - mas qual das decisões que causaram essas mortes foram causadas por motivos egoístas? Quando que ela matou para beneficiar a si mesma ou para sentir-se bem? As vezes a garota é culpada por situações que nem ela pode controlar e é sempre bom lembrar que, em meio a tudo isso, ela continua sendo apenas uma adolescente. Quantas pessoas nessa série teriam a mesma força e coragem que Clarke Griffin? Quantos iriam passar por tudo isso, tomar todas aquelas decisões, ser julgada dessa forma e ainda manter o altruísmo? Deviam mesmo era se curvar diante dela, a venerando como os grounders fazem com a velha nave Polaris, pois essa menina é que é um simbolo sagrado.


Se tinha alguém que ainda não estava tão desgraçado da cabeça quanto os outros era Monty, e, quando o sangue finalmente vem parar em suas mãos, tudo ocorre da pior maneira possível. E se o sacrifício de Monty serviu para algo mais do que traumatizar o menino, foi para que motivasse Octavia e o grupo a perceber como funcionam melhor juntos. Assim temos aquela vibe da primeira temporada voltando, delinquentes unidos por um propósito. Rumo a destruição de ALIE e seu domínio.

E ao que parece a Blake mais nova passará por mais uma reinvenção. Como foi dito, Octavia pode não se considerar do povo da terra nem do povo do céu, mas é uma dos 100 delinquentes enviados para a Terra e tudo o que já passaram juntos os transformaram em uma família e é por essa família que estou aqui.

Ps¹:  Só acho que Clarke devia cuidar melhor do chip-Lexa? Já chega mostrando pra todo mundo e dando liberdade, querida é pra você proteger.
Ps²: Uma agonia chamada ombro de Raven sendo deslocado propositalmente.
Ps³: Bem surpresa de Niylah ter sobrevivido mais um episódio.
Ps4: Nesse passo, Luna só será encontrada na próxima temporada.


PROMO DO PRÓXIMO EPISÓDIO:
Reações:

Sobre o Autor

 
Top