Comentários
Michelle Louise Michelle Louise Author
Title: [LIVROS] RESENHA - GUERRA DO VELHO
Author: Michelle Louise
Rating 5 of 5 Des:
A humanidade finalmente chegou à era das viagens interestelares. A má notícia é que há poucos planetas habitáveis disponíveis – e muit...

A humanidade finalmente chegou à era das viagens interestelares. A má notícia é que há poucos planetas habitáveis disponíveis – e muitos alienígenas lutando por eles. Para proteger a Terra e também conquistar novos territórios, a raça humana conta com tecnologias inovadoras e com a habilidade e a disposição das FCD - Forças Coloniais de Defesa. Mas, para se alistar, é necessário ter mais de 75 anos. John Perry vai aceitar esse desafio, e ele tem apenas uma vaga ideia do que pode esperar (Via: Editora Aleph)


O desconhecido sempre aflora nossa imaginação e nossos sentimentos acerca do que mais existe além daquilo que nossos olhos podem ver. Basta observar o céu em uma noite estrelada para termos uma mínima ideia de que somos uma parte muito pequena diante da imensidão do universo. John Scalzi explora ao máximo nossa mente através da possibilidade de um futuro com extremo desenvolvimento tecnológico e exploração de planetas e seus habitantes após a humanidade espalharem-se pelo Universo. 


A narrativa se desenvolve através da União Colonial e das ações das Forças Coloniais de Defesa (FCD), que tem o objetivo de colonizar os planetas habitáveis, além de proteger a Terra de qualquer ameaça alienígena. As FCD são formadas por um exército de voluntários com mais de 75 anos, que ao se alistarem, são considerados falecidos no planeta Terra, tornando-se soldados permanentemente. Esse é o desafio aceito pelo protagonista, John Perry, que se despede do túmulo da esposa Kathy, já falecida, e parte para o desconhecido com a mesma motivação que os outros tantos idosos que se alistam no exército: a idéia de uma nova possibilidade de vida, e de rejuvenescimento. 


No decorrer dos capítulos acompanhamos a empreitada de Perry, desde seu alistamento, até sua viagem espacial, fazendo novos amigos, que formam um grupo denominado “velharias”, o recebimento de um novo corpo, jovem e com habilidades aprimoradas, e a descoberta da real motivação do recrutamento de idosos: a experiência e a ligação com a Terra. Após um período de treinamento intenso, Perry se destaca em seu pelotão lutando bravamente no Universo, conhecendo planetas e seres inimagináveis, alguns deles com inteligência e tecnologia muito aprimoradas. Porém, apesar de suas novas habilidades, o protagonista enfrenta vários obstáculos, lutando em diversas batalhas muito complexas, visando a conquista e manutenção de territórios, ao mesmo tempo em que tenta desvendar os muitos mistérios que envolvem as FCD, que escondem diversas informações de seu exército.

Gostei muito do ritmo da narrativa, acelerada e com uma dose de humor perfeita para a proposta da obra. No entanto, o que mais me encantou foram as muitas reflexões que a leitura possibilita, principalmente acerca de questões militares, sobre o preço pago pela tentativa de dominação de territórios e seus habitantes, e do quanto após tantas modificações e sem a possibilidade de voltar para a Terra ainda é possível considerar-se humano. As questões humanitárias estão presentes em diversos momentos da obra.


Os personagens secundários também são fascinantes e fundamentais para o desenvolvimento da narrativa, uma pena alguns terem um final abrupto, mas nada que comprometa a qualidade da história. O autor também descreve de maneira genial os demais habitantes do Universo, dando alguns detalhes, ainda que brevemente, de suas formas de inteligência, cultura e religião.

Diante de um contexto com tantas informações, não esperava que laços sentimentais fossem explorados de forma tão inteligente no decorrer da narrativa, abordados de uma maneira muito sutil e delicada, relacionado à parte mais misteriosa das FCD, às chamadas Brigadas Fantasma, que é justamente o título do segundo livro, ainda sem edição no Brasil, aguardado com ansiedade após a leitura dessa obra tão fantástica.


Não é por acaso que John Scalzi é um dos principais nomes da ficção científica contemporânea, conquistando a crítica e leitores pelo mundo. Mesmo para os que não gostam do gênero, não tem como não se encantar pela literatura e pela proposta reflexiva do autor. Lançado nos Estados Unidos em 2005, a obra permanece atual e intrigante, com teorias que nos remetem para nossa própria realidade. Enfim, uma leitura imperdível!

 
Título: Guerra do Velho
Autor: John Scalzi
Editora: Aleph
Páginas: 365
Ano: 2016
Onde Comprar: Site Editora Aleph
Reações:

Sobre o Autor

 
Top