Comentários
Leandro Cardoso da Cruz Leandro Cardoso da Cruz Author
Title: [REVIEW] THE FLASH - S03E08: INVASION (2)
Author: Leandro Cardoso da Cruz
Rating 5 of 5 Des:
O mais esperado evento das séries da DC Comics começou finalmente! E começou chutando a porta, a mesa, o Barry e todo o resto! E é sin...

O mais esperado evento das séries da DC Comics começou finalmente! E começou chutando a porta, a mesa, o Barry e todo o resto! E é sintomático que o melhor episódio da temporada de The Flash seja um que não trate dos temas da série.

ps: o episódio de Supergirl, apesar de ser Invasion (1), não começou nada, exceto por contar com a cena que Barry e Cisco vão busca-lá, por isso me abstive da review.


A trama do crossover vai girar em torno da invasão dos alienígenas chamados Dominadores ao nosso planeta. De cara, por se tratar de um episódio de The Flash, temos alguns dos problemas dramáticos da equipe se misturando com o evento. E devo dizer que fica bem melhor quando eles ficam assim, em segundo plano.


Barry reúne a equipe e já de cara mostra que de líder não tem nada. Essa pose de Batman do Oliver me irrita, sendo um dos motivos de eu não ver mais Arrow, porém nesse episódio ela tinha a função de mostrar a insegurança de Barry. Além disso finalmente entendemos a mensagem do Flash do futuro mostrada em partes em Legends of Tomorrow. Essa sacada vai mostrando que é necessário você compreender todo o universo para saber o que está acontecendo.


A primeira parte do Evento só serviu para unir a equipe e relacionar a Supergirl com os mesmos. Não gostei da exclusão da Vixen e do Gládio. Mesmo a Sara falando que eles são novatos, temos de lembrar que ela é membro da Sociedade de Justiça da América. Mas isso deve se corrigir pelo menos no episódio final em Legends. Tivemos também uma sequência ainda não explorada que sabemos quem é a mulher das visões de Martin, uma filha que ele não conhece. Mais um presente de Barry ou essa é culpa dele? Por fim essa menção honrosa à Sala da Justiça!


Os erros de Barry finalmente começam à atingi-lo. Ter de admitir à todos que mudou a linha do tempo e suas vidas era o mínimo. Ainda acho que o Flashpoint não é exatamente do que se trata a mensagem do Flash mais velho. Não consigo deixar de sonhar com um Crise das Infinitas Terras. Doce sonho. Me incomoda a falta de evolução de Barry sobre si mesmo. Não é a primeira vez que Oliver tem de dizer que heróis falham. E ele segue falhando.


Nesse primeiro episódio do Evento podemos notar que quase não tivemos aliens, além dos mesmos praticamente não lutarem. A saída para a economia nos efeitos especiais (é a única explicação) foi botar a equipe pra se enfrentar graças à um controle mental. E daí saíram grandes cenas! Por vezes parecia estar vendo imagens do desenho da Liga da Justiça da minha infância. É pra isso que eu vejo séries de super-heróis!


Foi um bom começo. A abdução dos integrantes que são relacionados ao Oliver é uma mostra de que a próxima parte será focada nele, como era de se esperar. Sobre o desenvolvimento de The Flash, apenas a questão de Wally, que me parece sem sentido e mais uma coisa para somar às chatices de Íris. Infelizmente, semana que vem serão só esses dramas que teremos. Mas amanhã já apareço por aqui com a segunda parte de Invasão!

PROMO DO PRÓXIMO EPISÓDIO

Reações:

Sobre o Autor

Postar um comentário Blogger

 
Top