Comentários
Lilian Zin Lilian Zin Author
Title: [REVIEW] NCIS: NEW ORLEANS - S03E13: RETURN OF THE KING
Author: Lilian Zin
Rating 5 of 5 Des:
 “No matter what any e-mails say, we're a team first. We got each other's backs, right?” – Dwayne Cassius Pride Depois de ver...
 “No matter what any e-mails say, we're a team first. We got each other's backs, right?” – Dwayne Cassius Pride

Depois de ver um episódio bem morno de Bull, NCIS NOLA me impressionou com Return of the King. Afinal, o assunto tratado é um dos mais comuns atualmente e um medo que, acredito eu, quase todo mundo compartilha: ter seus segredos vazados na internet. É claro, com o desenvolvimento da tecnologia e tendo ela cada vez mais presente em nossas vidas, todo mundo passou a simplesmente confiar nela, mandando todo e qualquer tipo de informação, acreditando que ninguém nunca iria ficar sabendo de nada daquilo.

O caso da semana veio provar o contrário. Quando foi dito que informações de pessoas importantes na cidade estavam sendo liberadas para a imprensa, já sabia que ia ter coisa do Hamilton no meio. Por um pequeno instante cheguei a acreditar que ele não seria tão ruim assim, mesmo que ele só estivesse oferecendo ajuda para limpar a barra dele também. Só que, depois de ter usado isso para se promover. Tá ficando cada vez mais difícil, filhotinho.


Acredito que a melhor parte do episódio foram as brigas por conta dos e-mails recebidos. Admito que reagiria da mesma forma com que Sonja: iria gritar o quanto fosse, tirar satisfações e depois ficar com muita raiva da pessoa que tivesse escrito o que quer que fosse sobre mim. É claro, foi um pouquinho exagerado que ela tenha ficado com mais raiva do que Lasalle escreveu do que com o fato de os dados da época em que ela trabalhava disfarçada haviam sido revelados, mas concordo com cada palavra dita ali.

Quanto à Gregorio: é claro que ela iria falar mal deles para o Isler. E para quem quisesse ouvir. Não querendo defender Tammy, mas estava bem claro que ela estava insatisfeita com a missão de ficar vigiando a equipe. Agora dar apelidos para Chris e Percy e ainda falar que os dois estavam juntos foi demais. Quer dizer, é perceptível a química entre os dois, mas ela já deixou bem claro que não, de jeito nenhum. Fiquei preocupada com o fato de Lasalle não ter tentado negar essa situação, mas, moving on. Só espero que meu baby não se machuque, de novo.


Quanto à Sebastian: achei muita maldade com ele. King sempre foi como um pai, uma fonte de inspiração, alguém que sempre vai estar ali. Ler o que ele escreveu deve ter sido como ser apunhalado pelas costas. Sei que era uma estratégia para fazer todo mundo se odiar e tal, mas mesmo assim. Ele se esforçou muito mais do que qualquer outro para estar ali, provou muito bem que era capaz de se tornar um badass agent e aí lê isso? É um banho de água fria na confiança, mesmo. Ainda bem que tudo foi resolvido e agora o Forensics Agent Sebastian Lund está feliz e pronto para seguir sendo incrível.

Também gostei muito do retorno de Elvis. Achei que ele havia aparecido na segunda temporada, mas no segundo episódio (S03E02 – Suspicious Minds) e parece que já tem séculos que essa temporada começou. É sempre bem divertido tê-lo em cena, ainda mais quando Pride está junto. É claro, gosto muito dos episódios que têm o Hamilton também, apesar de toda a chatice anexada ao personagem.

E não posso me esquecer da Loretta. Ela realmente precisa de um destaque maior, porque as poucas cenas em que ela apareceu me fez ver o quanto ela é uma personagem que merece muito mais do que está recebendo. Que os roteiristas façam alguma coisa a respeito disso, como, por exemplo, um episódio em que ela tenha que fazer todo o trabalho investigativo, como já havia dito há um tempo.

P.S.: Semana que vem tem crossover com NCIS <3

“Well, Dwayne, if this day has proven anything, it's that everybody has a secret, even you. And if someone were motivated to look hard enough, who knows what they would find?” – Mayor Douglas Hamilton
Reações:

Sobre o Autor

Postar um comentário Blogger

 
Top