Comentários
Camila Rheinheimer Camila Rheinheimer Author
Title: 10 MOTIVOS PARA ASSISTIR: THE LEFTOVERS
Author: Camila Rheinheimer
Rating 5 of 5 Des:
[...] But all my words come back to me in shades of mediocrity Like emptiness in harmony I need someone to comfort [...]  ♫ ♪ E AQU...
[...] But all my words come back to me in shades of mediocrity
Like emptiness in harmony I need someone to comfort [...]  ♫ ♪

E AQUELES 2%

...

CADÊ? 


(ninguém viu, ninguém sabe)

Na eminência de inciar sua terceira e última temporada, decidi que já havia passado da hora de eu babar por essa série aqui com vocês. Essa obra de arte da HBO - nenhuma novidade hbo produzindo obras de arte - nomeada 'The Leftovers', é corajosa, é ousada, é incômoda. A palavra é bem essa! A série usa e abusa do fator nos I N C O M O D A R,  de todas as maneiras possíveis, pois nossas sensações e a forma de senti-las, de pensar e agir, jamais serão as mesmas após The Leftovers.

Tudo baseado no livro homônimo de Tom Perrotta

I. CONFUSO?



O não entender nada é o veredicto que impera nos comentários de quem começa e também de quem está em dia essa série, pois The Leftovers é feita para as mentalidades abertas, para psicológicos trabalhados e resistentes que estão em constante transformação, é feita para indivíduos que não se abalam facilmente, e mesmo assim, mesmo assim lágrimas brotarão incontrolavelmente quando você for atingido bem lá no fundo com algumas constatações inevitáveis que irão ocorrer.

II. CULPADO?



C U L P A. Essas 5 letrinhas são o centro da proposta. Até que ponto devemos e precisamos senti-la, até que ponto devemos demonstrar afetação pela "perda" de entes queridos? Existe tempo pré determinado de Luto? Existe Manual? Podemos ou não podemos seguir com nossas vidas? O que os Outros irão pensar e dizer? Da pra sorrir? Existe certo e errado?
Explicações todos desejam e esperam, mas devemos estagnarmos por isso?

III. ENRAIZADA! 



É uma série daquelas que não tem você permitir ou não, ela irá entrar em você, irá impregnar e te contaminar. Você não pensará nela apenas por alguns minutos após assistir, Um belo exemplo sou eu, mais de um ano depois do último episódio transmitido, estou falando e enaltecendo a coisa...
Ela mexerá de tal forma que irá fazer parte de você, porque seus valores e prioridades certamente irão
se modificar.

IV. SONS <3

Sinta o nível sonoro que você apreciará...


Intercalando com Schubert em alguns momentos

V. OPEN...


A abertura da primeira temporada - muda na segunda - já intriga de cara, remete e da um vislumbre do que esperar, das conexões primárias estabelecidas na origem de tudo. Assim como a música, criada especialmente para a série, as imagens também foram, e elas remetem a cenas clássicas religiosas, como as que encontramos no Teto da Capela Sistina. O tema Renascentista já é um alerta. Não?  Renascimento... 

VI. STAR's.


A gama de atuações impecáveis é tamanha nessa produção, que não sabemos se existe um momento ideal pra levantar da poltrona no meu caso cama e aplaudir, pois a ovação merecida é do começo ao fim. São personagens com personalidades tão profundas e sombrias, que o talento transborda até mesmo sem fala alguma. Vocês entenderão e concordarão. Anotem aí.



VII. MEIO-ELFO!

Para fazer brotar o sorriso involuntário dos fãs de The Lord of the Rings, temos a grata inclusão de Liv Tyler ao elenco - Arwen Undómiel - da saga O Senhor dos Anéis.

Em The Leftovers

Em The Lord of the Rings

VIII. R.C's. 


Ó o gasto de papel! E o WhatsApp?


Você morrerá de vontade de exercitar a ideologia do Grupo denominado Os Remanescentes = RC. É a turminha Gang de B R A N C O. Eles não falam, são mudos do começo ao fim, O não verbalizar, o não atirar sonoridade e ideias ao vento é o que eles pregam. Eles nos fazem refletir, eles são controversos, não são nada empáticos, são frios, são destruidores daquilo tudo que consideramos certo. Certo? Existe?

IX. TEMAS...


Somos maleáveis e mutáveis. Certo?

A religião é a força utilizada para abordar as dores que iremos sentir através da narrativa, ela se mistura com a espiritualidade, com a ciência, com a fé sempre presente na humanidade.

X. ?



É isso mesmo, o item "?" não foi nenhum erro de digitação, ele quase foi o primeiro dessa lista, mas depois de pensar muito, achei digno fechar com ele, pois ele é a sensação que predominará e persistirá até quando você achar que talvez tenha captado AQUELA mensagem...
A indagação vai desde o - Por Quê - de todo R.C teima em inalar tanta fumaça através dos horrendos cigarros, passando pelo fato de não sabermos se tal pessoa morreu ou não, será que é "louco" ou não, até o clássico "Que dó de tanto papel desperdiçado!.".

Corre e clica aqui embaixo no trailer! Boa sorte nessa jornada de emoções!

TRAILER TEMPORADA 1:


Reações:

Sobre o Autor

Postar um comentário Blogger

 
Top