Comentários
Camila Rheinheimer Camila Rheinheimer Author
Title: [CINE DDS] SUSPIRIA
Author: Camila Rheinheimer
Rating 5 of 5 Des:
[quod ubique, quod semper, quod ab omnibus creditum est] Estamos em uma época de investidas descontroladas em remakes dos grandes c...
[quod ubique, quod semper, quod ab omnibus creditum est]


Estamos em uma época de investidas descontroladas em remakes dos grandes clássicos do cinema de horror (Suspiria e IT enviando um Olá), não vou ocupar essas linhas tentando julgar se isso é bom ou não, vamos ao que interessa logo logo, mas aproveito para dizer que compartilho com vocês desse medo inevitável que da ao mexerem em obras primas tão idolatradas. Já estão saindo do forno as duas próximas refeições, retocadas com nova maquiagem, cores, texturas e certamente sabor.

Bem lá no fundo, a curiosidade e a fé imperam.

Q U A R E N T A anos atrás nascia uma marca, uma tendência, um novo jeito de apresentar as emoções e criar sensações para os amantes de Suspense & Terror. O filme V I B R A, tudo vibra! A paleta de cores nos banha e praticamente sentimos o sangue jorrando em nós... Mas é claro, isso é metade do caminho, a outra metade fica a cargo da impecável trilha sonora que se encaixa de tal forma, que não conseguimos separar uma coisa da outra. A responsável por ela é a banda italiana Goblin.

O nervoso gerado pela sonoridade em questão, acompanha passo a passo a narrativa pelos cenários iluminados com cores primárias, um vermelho aqui, um azul ali e um amarelo e verde acolá... Enquanto nossa protagonista tenta chegar ao seu destino. E qual seria esse?

Suzy, uma dançarina americana de balé encara uma viajem à Alemanha para estudar em uma conceituadíssima escola do gênero. A bagunça, a perturbação e a confusão já se evidenciam de cara, assim que Suzy põem o pé pra fora do aeroporto. Lembram do dilúvio dividindo espaço com a tentativa caótica de conseguir um táxi?

E o medo que já fiquei das olhadas do taxista?
...

Suzy desembarcada em frente ao seu tão aspirado destino, assim como, desembarca no cenário de uma sequência de tragédias e fatos um tanto misteriosos. 


[...] alguns acidentes [...]



Já imaginou um chuva de vermes? Nem em pesadelo? Pois você verá...


Vocês podem até dizer que os diálogos não são profundos e elaborados, e eu terei que concordar, mas que o filme correria graciosamente bem A T É na versão cinema mudo, isso vocês é que precisam concordar. Não? Sentimos o circulo se fechando apenas com as alternâncias de cores, iluminação e sons, acompanhados com os olhares tensos, agoniados e vozes sussurrantes de nossas protagonistas. 

Perdas vão se empilhando, os contatos e conhecidos de Suzy vão desaparecendo sem explicação alguma, e ela sente-me como um porco sendo engordado para a ceia natalina. Será? Pois é, pois é...

A fraqueza física de Suzy duela com sua curiosidade e espírito investigativo, pois, cadê todo mundo? Para onde vão todos os professores todo dia à noite, no mesmo horário? A trilha de tijolos amarelos termina onde? Passos... 1,2,3,4,5,6...

Pistas são como migalhas, peças encaixam-se, coisas desanuviam-se, e finalmente, F I N A L M E N T E as palavras antes soltas e sem sentido formaram uma frase completa dizendo:"O segredo! Eu vi atrás da porta! Três Íris. Gire a azul.".


E foi exatamente o que Suzy fez, nem mais e nem menos, o sabido foi revelado, o M A U estava enraizado estruturalmente naquela escola. Faces giravam e viravam para encara-la, era o Coven de Bruxas ao seu encalce? Que sentia em seus calcanhares? E R A S I M.

Tudo despencou, mas isso significa que acabou? Eu não sei. E você?

TRAILER:

Ficha Técnica:
---------------------------------
Original: Suspiria
Ano:1977
País: ITÁLIA
Direção: Dario Argento
Roteiro: Dario Argento, Daria Nicolodi, Thomas De Quincey
Produção: Claudio Argento
Elenco: Jessica Harper, Stefania Casini, Flavio Bucci, Miguel Bosé, Barbara Magnolfi, Susanna Javicoli, Eva Axén, Rudolf Schündler, Udo Kier, Alida Valli, Joan Bennett, Margherita Horowitz, Jacopo Mariani, Fulvio Mingozzi.
Reações:

Sobre o Autor

Postar um comentário Blogger

 
Top