Comentários
Leandro Cardoso da Cruz Leandro Cardoso da Cruz Author
Title: [REVIEW] AMERICAN GODS - S01E02: THE SECRET OF SPOON
Author: Leandro Cardoso da Cruz
Rating 5 of 5 Des:
Em geral prefiro ficar restrito à alguns quadros e bem poucas reviews  aqui no blog, porém não tinha como deixar passar a oportunidade...

Em geral prefiro ficar restrito à alguns quadros e bem poucas reviews aqui no blog, porém não tinha como deixar passar a oportunidade de falar toda semana dessa nova obra prima.

Apontar uma série de apenas dois episódios como uma obra prima pode parecer completamente exagerado, eu sei. Porém arriscarei esse tiro pois cada vez mais imagino que não tem como esse programa dar errado. Se em Hannibal eu me apaixonei pela fotografia perfeita de Bryan Fuller mas tinham episódios que me cansavam por sua aparente lentidão, em Deuses Americanos isso não tem acontecido. Mesmo nos momentos do mais puro silêncio nesse 2º capítulo eu compreendia o que essa ausência de som significava.

Diante da história apresentada, sem pressa e com todo o cuidado do mundo, vemos enfim o começo da história de Shadow como funcionário do Mr. Wednesday. Com um pequeno fechamento da sua vida em sua antiga casa, nosso protagonista vê coisas que não deveria e se desencanta ainda mais com sua falecida esposa.

Nessa história que deve seguir o tom de uma road trip, temos a principal regra: nada de rodovias. Não duvido que isso será melhor explicado em um futuro, além de também desafiado por Shadow. Este que cada vez mais está compreendendo que está se envolvendo em algo muito maior do que ele.

Depois do encontro forçado com Technical Boy, agora foi a vez de Lucille Ball (Gillian Anderson) falar com ele. E podemos esperar ainda mais personagens na conta de Gillian, uma vez que ela é a Mídia, um dos Novos Deuses. O contato serviu principalmente para fazer Shadow questionar sua já precária sanidade.

Por fim o encontro com alguns deuses antigos da mitologia eslava vai apontando o caminho que Wednesday quer trilhar. A convocação de Czernobog não deu muito certo, ainda mais com a aposta sobre o jogo de damas. Deixar a resolução para a próxima semana cria uma tensão que uma série iniciante precisa.

O mistério faz parte do show. A série segue entregando poucas informações. Saber quem é a Mídia, o Technical Boy, o próprio Wednesday, são coisas que criam cada vez mais teorias sobre a trama. Mesmo a contínua sequência até então isolada da história de Bilquis causa mais dúvidas do que certezas. Devo dizer que não parece ser uma série para engolir de uma vez só. Ela deve ser apreciada, observada nos mínimos detalhes. Quantas vezes ao olhar para Wednesday não me peguei achando que ele era cego de um olho? Garanto que esses detalhes não são por acaso.

Impossível não concluir com a abertura forte e questionadora de Anansí. Mr. Nancy é mais um dos Deuses Antigos que, assim como Bilquis, segue longe da trama principal. Mas esse primeiro contato, cheio de críticas sociais, serviu pra apontar o que esperar desse grande personagem.

PROMO DO PRÓXIMO EPISÓDIO

Reações:

Sobre o Autor

Postar um comentário Blogger

 
Top