Comentários
Lilian Zin Lilian Zin Author
Title: [REVIEW] NCIS - S14E24: RENDEZVOUS [SEASON FINALE]
Author: Lilian Zin
Rating 5 of 5 Des:
 “Just looking out for you, bro.” – Nicholas Torres Mais um final de temporada que dá ódio de ter que ficar esperando por quatro mese...
 “Just looking out for you, bro.” – Nicholas Torres

Mais um final de temporada que dá ódio de ter que ficar esperando por quatro meses por uma resposta. Eu juro que não tenho mais psicológico para episódios assim, ainda mais se tratando de NCIS. É incrível como depois de 14 temporadas os escritores ainda têm esse poder de fazer os fãs ficarem loucos com os 3 minutos finais do último episódio da temporada, passando o hiatus todo tentando adivinhar o que vai acontecer, como eles vão voltar a ser o que eram antes e coisas do tipo. A última vez que tivemos um cliffhanger em uma season finale foi na 12ª temporada, naquele Neverland infeliz em que ficamos na dúvida sobre o destino de Gibbs. E eis que estamos aqui outra vez.

Mais uma vez o episódio foi bem normal durante uns 35 minutos, mais ou menos. Depois disso, o caos. Gente, esse negócio de tiroteio e de um ficar para trás nunca dá certo. E o problema é que sempre é o protagonista, o que nunca me agrada. Juro que não dou conta de ver Gibbs passando por outra cirurgia e reavaliando sua vida de novo. O mesmo vale para McGee, que decidiu pular do helicóptero e dar apoio ao chefe. Achei um milagre não ter sido o Rambo Torres. 


Aliás, estou achando linda essa preocupação toda que ele está tendo com Tim desde que ficou sabendo que ele seria pai. Ele quer fazer de tudo para que McGee fique fora de perigo, mas nem sempre isso dá certo. Não sei ao certo o motivo, mas minha intuição está apontando para Torres ser o padrinho do bebê de Tim. Claro, pode ser que ele escolha outra pessoa, ou deixe a Delilah escolher, mas eu tenho um bom pressentimento sobre isso. Quer dizer, todo mundo sabe quem seria o padrinho da criança caso ele ainda estivesse ali, porém, como isso não deve acontecer tão cedo, Nick é uma boa escolha.

Ainda estou meio boba com tudo o que aconteceu no episódio passado, então toda e qualquer menção, ou até mesmo vendo a aliança de McGee, já me faz ficar com os olhos cheios de lágrimas. A Abby então já querendo fazer o chá de bebê o mais rápido possível foi uma das melhores coisas do episódio todo. Quer dizer, só perde para as imitações de Ducky e Jimmy do Joe Pesci em Goodfellas e o Nick falando que o Gibbs gosta dele, seguido por Palmer fazendo o mesmo. Ah, meus babes <3.


Outra coisa que foi realmente muito boa foi a parceria entre Bishop e Quinn, que sempre é significado de trabalho bem feito e rápido, porque nenhuma delas fica enrolando para fazer alguma coisa como um certo outro agente que nem preciso falar quem é. Quer dizer, Ellie e qualquer um é sinônimo de uma parceria ótima, como com Reeves ou até destruindo o sonho de infância da Abby. Espero que vejamos mais disso na próxima temporada, assim como mais de Ducky e Vance.

Para finalizar, não posso deixar de falar de como a série mudou ao longo de uma temporada. A estrutura continua a mesma, mas a adição dos novos personagens foi um gás a mais e que, a meu ver, foi essencial para que a série não perdesse o pique após tanto tempo no ar. É claro, é impossível não sentir falta do Tony em vários momentos ali, inclusive nesse episódio com toda a citação de Goodfellas feita por Jimmy, mas, infelizmente, chega uma hora que temos que aceitar que ele não vai mais voltar. E dói ter que falar isso, vocês não imaginam o quanto. Minha irmã vive falando que precisaram de três pessoas para substituir o DiNozzo e eu não vejo mais assim. Minha interpretação é de que Jethro viu o quão bem ele fez para Tony ao longo do tempo que, depois que ele se mudou para Paris, decidiu ajudar mais três pessoas que, assim como o gigolô italiano, precisavam dele. E que ele continue ajudando muitas pessoas que precisam dele por mais muitos anos. Vejo vocês na próxima temporada!

P.S.: Depois desse episódio, as definições do meu amor pelo Torres foram atualizadas com muito sucesso.

“Boss, I appreciate that, but don't forget I'm an NCIS special agent.” – Timothy Farragut McGee
Reações:

Sobre o Autor

Postar um comentário Blogger

 
Top