Comentários
Camila Rheinheimer Camila Rheinheimer Author
Title: [REVIEW] ORPHAN BLACK - S05E01: THE FEW WHO DARE
Author: Camila Rheinheimer
Rating 5 of 5 Des:
R E V I V A L, anotem esse nome aí... "Somos todos filhos da Revival, escolhidos para um futuro melhor. Nossos frágeis corpos fica...

R E V I V A L, anotem esse nome aí...

"Somos todos filhos da Revival, escolhidos para um futuro melhor. Nossos frágeis corpos ficarão mais fortes; não haverá morte, nem envelhecimento."


O C O R A Ç Ã O da Neolution (Neo), e é assim que fomos impactados! Revival é uma aldeia, um vilarejo povoado por membros "escolhidos" - ¿ sequestrados ? - que formam um tipo de Culto? Estão lá por vontade própria, ou estão atuando? O retorno de mais de uma ano de espera, voltou para ampliar nossa lista de perguntas e teorias. E voltou caprichadinho.

Aquele alívio.

Delphine segue com esses momentos heroicos e visitas de médico, assim como segue deixando aquela sensação de aflição e dúvida. Qual o grau de aprofundamento dela? Ela sempre foi da Revival? Migrou Neo x Revival ou Vice-versa? Ou nenhum? Ou será que ainda brotará uma terceira, quarta, quinta facção? Perguntas e perguntas...

Rachel Duncan & sua cara deslavada. 
(Cena um tanto Jogos Vorazes)

Aparentemente Rachel havia assassinado sua mãe Susan temporada passada, mas com os novos fatos que nos foram apresentados e as novas perspectivas, isso também caiu para a categoria "não certeza". O que não categoriza "surpresa". Certo?

Enxergo um ponto de ? acima da cabeça da Cosima.

O que achamos saber até então é:

REVIVAL é a ideologia primária, a MÃE de todas;
Criada por P.T Westmoreland - uma múmia de 170 anos - que reside tipo Nosferatu naquele castelo; 
Dela veio aquelas ramificações macabras como Os Clones e As Larvas;
Seu objetivo é alcançar a perfeição - isso nunca soa como algo legal - Né?;
Precisam adquirir longevidade, e para isso precisam eliminar - curar - doenças;
Se o criador tem 170 anos, então alcançou seu objetivo. O que ele ainda quer com as nossas criaturinhas?

Quero me comunicar assim.

Helena é aquele docinho intocável, e quando mexem com ela, mexem com nós! E dessa vez mexeram não só com ela, mas também com os bebês que nunca nascem... Não importa o tempo que passe - já fazem 84 anos e tal -  Apesar da cena ter sido trágica, creio que será o ponto de partida pra finalmente esses filhotinhos de clone nascerem e Helena poder retornar com toda sua vitalidade para a série, com aquela energia animalesca que conhecemos muito bem! Amém.

Já que estamos falando de mato, comunicação e desastres, vamos falar dos Hendrix? Não achei errado Donnie fugir e permitir que Alison fosse sequestrada, pois ela já havia sido, e ele ainda tinha a chance de se salvar, de talvez salvar Helena e ainda conseguir ajuda para todos. Mesmo arrastando uma mala de rodinhas através da floresta...

Segue normal.

Sarah é isso aí desde sempre. Né? Corre, corre e corre. Foge e é derrubada. É derrubada e levanta. De novo e de novo. Sarah é a que leva na cara e sente na carne para proteger todos que A M A.  Sarah já atravessou continente, já cruzou de uma lado a outro da ilha para "salvar" Cosima, mas... Cosima optou pela Crazy Science. Sarah não foca em si, não se vê como centro, justamente por ser o centro. Justamente por ser a interseção da família. 

O último fôlego de bateria foi usado para? Pedir ajuda? Não! Para alertar e pedir ajuda para outrem. 

O que ficou na mente após esse episódio:

Félix levado;
Alison levada;
Sarah sendo levada;
Rachel ajudando Cosima. Assustador;
Salvem Helena e seus frutos;
Macabra a nova parceira corrompida do Arthur;
Cadê Scott pra ficar jogando Minecraft e contatar M.K?
Cadê Tony? (Sim. Vou falar isso até a Series Finale).


PROMO DO PRÓXIMO EPISÓDIO:
Reações:

Sobre o Autor

Postar um comentário Blogger

 
Top