Comentários
Leandro Cardoso da Cruz Leandro Cardoso da Cruz Author
Title: [LIVROS] RESENHA - JARDINS DA LUA
Author: Leandro Cardoso da Cruz
Rating 5 of 5 Des:
Desde pequeno, Ganoes Paran decidiu trocar os privilégios da nobreza malazana por uma vida a serviço do exército imperial. O que o ...



Desde pequeno, Ganoes Paran decidiu trocar os privilégios da nobreza malazana por uma vida a serviço do exército imperial. O que o jovem capitão não sabia, porém, era que seu destino acabaria entrelaçado aos desígnios dos deuses, e que ele seria praticamente arremessado ao centro de um dos maiores conflitos que o Império Malazano já tinha visto.
Paran é enviado a Darujhistan, a última entre as Cidades Livres de ­Genabackis, onde deve assumir o comando dos Queimadores de Pontes, um lendário esquadrão de elite. O local ainda resiste à ocupação malazana e é a joia cobiçada pela imperatriz Laseen, que não está disposta a estancar o derramamento de sangue enquanto não conquistá-lo.
Porém, em pouco tempo fica claro que essa não será uma campanha militar comum: na Cidade do Fogo Azul não está em jogo apenas o futuro do Império Malazano, mas estão envolvidos também deuses ancestrais, criaturas das sombras e uma magia de poder inimaginável.
Em Jardins da lua, Steven Erikson nos apresenta um universo com­plexo de cenários estonteantes e ações vertiginosas que mostram por que esta é considerada uma das maiores sagas épicas.


Uma campanha de RPG já é uma história gigantesca, com uma grande trama e aventuras sempre surpreendentes, então por que não transportar isso para um livro e criar uma saga igualmente épica? Essa foi a ideia de Steven Erikson, que se utilizou de diversos materiais de jogos antigos em que ele participava para construir um dos universos mais ricos da literatura fantástica. 

Se você espera um livro que te pegue pela mão e te explique tudo o que é necessário saber para só então começar a história, esse não é o seu livro. Jardins da Lua apresenta uma trama complexa, controversa e por vezes de difícil compreensão, sobre um mundo que não tem nada a ver com o nosso, mas ao mesmo tempo parece conviver com problemas tão próximos.

O mundo em que se passa a história é de uma riqueza de detalhes que impressiona e isso se torna ainda melhor com a grande capacidade do autor de apresentar cada um desses detalhes. Erikson explica paisagens e cidades com uma crueza de detalhes que me lembrou Tolkien em suas obras altamente detalhadas.

Não temos uma trama principal nesse livro, tudo está acontecendo ao mesmo tempo e quanto antes você aceitar isso melhor. Temos o Capitão Paran tentando entender se ele é um peão ou um jogador, ao mesmo tempo que Whiskeyjack  e seus homens buscam atingir seus objetivos enquanto lidam com forças maiores que eles.Ficamos intrigados com os mistérios de Piedade e da Conselheira Lorn, além da sempre presente história da Moeda. Somos jogados no meio de uma guerra de magos e seres ancestrais, enquanto tentamos entender o papel de Anomander Rake em toda a história. E isso tudo é só a ponta do iceberg.

Por mais complexa que a história seja, é uma leitura instigante. Ao mesmo tempo que queremos ler o mais rápido possível pra ver o desfecho, queremos também saborear cada trama e informação contida nessas páginas. Ficamos cada vez mais imersos em um mundo gigantesco, onde deuses são confrontados por homens, onde fera são libertadas e onde assassinos e ladrões mudam os rumos de uma sociedade. 

A trama vai se desenvolvendo até um desfecho que pode não ser o que esperávamos, mas que logo percebemos ser só mais uma nova porta para o futuro. O Império Malazano tem inimigos, o Senhor da Lua tem um papel à cumprir, Oponn teve sua chance, mas agora Trono Sombrio quer vingança contra quem os enganou. 

Ao ler essa resenha você pode ficar confuso com esses muitos nomes, mas não se preocupe. Você ficará confuso também no começo do livro. Mas vai chegar um momento, e ele chega rápido, que parecerá que você já compreende aquele mundo, que você sabe quem são seus personagens. Sabe o que é mais interessante? Que nessa hora você vai ver que não sabe nada.


TÍTULO: Jardins da Lua
AUTOR: Steven Erikson
EDITORA: Arqueiro
PÁGINAS: 608
ANO: 20017
ONDE COMPRAR: Amazon

Livro cedido pela editora para resenha.




Reações:

Sobre o Autor

Postar um comentário Blogger

 
Top