Comentários
Leandro Cardoso da Cruz Leandro Cardoso da Cruz Author
Title: [REVIEW] MR. MERCEDES - 1ª TEMPORADA
Author: Leandro Cardoso da Cruz
Rating 5 of 5 Des:
Em tempos  em que adaptações de obras de Stephen King saem todos os dias, Mr. Mercedes surge como uma série consciente de seus limites ...

Em tempos  em que adaptações de obras de Stephen King saem todos os dias, Mr. Mercedes surge como uma série consciente de seus limites e que, por isso mesmo, funciona.

Já deixo claro aqui duas coisas, primeiro, que sou um fã gigantesco do Senhor King e que consumo tudo o que ele produz, e segundo, que não li a obra que originou essa série, porém aqui no blog temos uma resenha dela, feita pela Michelle e que você pode conferir aqui!

Dito isso, essa série é tudo o que eu espero de algo que o Rei escreveu. Com personagens profundos, uma trama redonda e envolta de mistérios para aqueles que vivem nela e com um final aceitável. Desculpem-me os fãs mais hardcore do King, mas ele falha muito mais do que acerta em seus finais, é a mais dura verdade.

Aqui acompanhamos a história de Bill Hodges, um detetive aposentado da polícia que se vê atormentado pelo maior caso que nunca resolveu, o do Mr. Mercedes. Em uma madrugada fria uma pessoa dirigindo um mercedes atropela várias pessoas que estavam na fila esperando por uma feira de empregos. 


O interessante da série é que apesar dos personagens conviverem com o mistério, nós acompanhamos a jornada do vilão desde o início. Sabemos que é Brady Hartsfield e como seu passado ajudou a criar essa pessoa que ele se tornou. Desde a perda do irmão, passando pela mãe abusiva, tudo confluiu para criar um personagem que não despido totalmente de sentimentos, mas que não está nem próximo da normalidade.

A união de outros personagens na série constrói um belo universo. Com Jerome, Holly e Janey, criamos uma "família" para o isolado Bill, que passa a ter com quem se preocupar e eventualmente quem perder. Isso ajuda a melhor o background do protagonista, ainda mais com a ausência, ainda que importante para a trama, de sua filha.

O embate e o jogo de gato e rato entre o Detetive e Brady é interessante, curioso e doentio. Com várias manipulações feitas pelo vilão, vemos o detetive chegar perto de ruir. Ao mesmo tempo vemos que Brady não tem estrutura para guentar o que viria durante sua jornada.

O final podia parecer previsível, mas ainda assim deixa marcas. Tudo se encaminhou para aquele fechamento, desde os personagens que deixaram a série pelo caminho, até as reviravoltas nas descobertas. Um segundo ano já foi garantido, o qual deve se basear no segundo volume da trilogia de King, mas que ainda vai aproveitar o que foi construído nesse primeiro ano.

Um belo achado desse ano, Mr. Mercedes é uma série que caminha pela maldade humana, pelo papel da tecnologia nas mãos de quem tem o poder de controlar a mesma e sobre as falhas das pessoas.
Reações:

Sobre o Autor

Postar um comentário Blogger

 
Top