Comentários
Lilian Zin Lilian Zin Author
Title: [REVIEW] NCIS: NEW ORLEANS - S04E06: ACCEPTABLE LOSS
Author: Lilian Zin
Rating 5 of 5 Des:
 “You just came back from the dead.” – Sonja Percy Depois de um episódio maravilhoso focado em Sebastian, eis que ganho um todo sobre...
 “You just came back from the dead.” – Sonja Percy

Depois de um episódio maravilhoso focado em Sebastian, eis que ganho um todo sobre o Chris. E ele de farda, ainda por cima. Não tenho palavras o suficiente para agradecer a todos os envolvidos, porque o episódio foi bom. Não tanto quando o último, mas bom o suficiente para continuar com a maré de episódios bons de NCIS NOLA.

Há tempos que já venho pedindo um plot decente para ele, principalmente algum que não envolvesse romance. Eu sei que é meio difícil fugir disso, mas querer empurrar apenas amores e deixar o personagem sem um desenvolvimento decente é preocupante e muito errado (Jay Halstead, estou falando de você mesmo). Confesso que fiquei um pouco surpresa com algumas coisas, mas gostei do rumo que tudo tomou.


Eu queria muito conhecer o resto da família de Chris. Pelo que deu a entender das poucas vezes que ele falou, a mãe dele é um amor. O Cade todo mundo conhece e admito que sinto falta de notícias/ver ele. Mas não me recordo de nenhuma menção feita ao pai dele. E muito menos ao fato de que ele tem uma empresa e de que quer que Chris assuma os negócios. Não vou ficar reclamando muito disso, porque nem na vida real a gente sabe tudo sobre a vida de uma pessoa, que dirá nas séries.

A questão é: ele seria capaz de largar o trabalho que ele tanto ama para poder seguir os passos do pai? Se King não tivesse praticamente forçado ele a ir conversar com o pai, provavelmente o segundo ia acabar acreditando que, um dia, seu filho ia acabar deixando a carreira que construiu para poder tomar conta da empresa. Ainda bem que Pride, também conhecido como a voz da razão, sempre está lá para poder dar um empurrão quando necessário.


Agora que Chris não é muito normal, isso eu já passei da certeza. Ir disfarçado e ficar conversar com a mulher lá no bar não tinha problema nenhum. Mas ir atrás dela já foi demais. Principalmente sabendo que ela já tinha matado mais gente antes disso. Eu sei que foi para conseguir elucidar o caso e tal, mas se não fosse pela equipe ter chegado na hora e King ter pegado a injeção, teríamos tido um velório no final do episódio e toda aquela história de culpa pelo resto da temporada. Mas ainda bem que Pride estava lá para salvar o dia, outra vez.

E por falar nele, e no resto da equipe, fiquei um pouco relutante em ter visto um pouco menos de destaque para eles. Claro, todo mundo ficou muito preocupado com Lasalle, principalmente quando acharam ele praticamente morto, mas mesmo assim. Queria ter visto Loretta, Sebastian e Patton preocupados também, não só Percy e Gregorio adiantando o choro do possível velório.

P.S.: Sebastian, muita informação baby.

“Look, I'm gonna stop you right there, Dad. That business is not my future. And it never will be. All right, no matter how many speeches you give me about family or responsibility, or whatever else you want to talk about, I'm happy here. You can like it, you can hate it, but that's the fact of the matter.” – Christopher Lasalle
Reações:

Sobre o Autor

Postar um comentário Blogger

 
Top