Comentários
Lilian Zin Lilian Zin Author
Title: [REVIEW] BULL - S02E10: HOME FOR THE HOLIDAYS
Author: Lilian Zin
Rating 5 of 5 Des:
 “Merry Christmas.” – Doctor Jason Bull Confesso que comecei esse episódio um pouco receosa. A mistura Natal + Jason Bull não pareci...
 “Merry Christmas.” – Doctor Jason Bull

Confesso que comecei esse episódio um pouco receosa. A mistura Natal + Jason Bull não parecia tão certa assim. Mas os melhores episódios são aqueles em que nossa expectativa está baixa e eles nos surpreendem de uma forma inimaginável. Precisamente o que houve aqui.

Essa história de crianças querendo se “divorciar” dos pais é extremamente comum. Lembro de um episódio d’Os Simpsons em que Bart é emancipado porque Homer havia gastado um dinheiro que o mais novo havia ganhado quando era bebê. Porém o motivo de Charlie era bem diferente: tristeza, pois o pai não dava atenção o suficiente para ela. O que me impressionou mesmo foi a forma como JB se envolveu no caso.


Não me entendam mal: se essa temporada mostrou alguma coisa é que Bull tem sentimentos. Arriscar um caso que era praticamente dinheiro fácil, ainda mais para um caso na vara da família, não é algo que o Jason da primeira temporada faria. Mas ver ele ficando com a Charlie até o pai dela chegar e depois tentando consertar toda a situação mostrou como os milagres de Natal podem realmente acontecer.

Ainda bem que Charlie percebeu que ela precisava ficar com o pai e não sozinha, como era sua intenção. No início é bem divertido: não ter ninguém te forçando a nada, poder fazer o que quiser a qualquer momento... Mas e aí? Quando bate o vazio, o medo, para quem seria a primeira ligação? O que gostei também foi de ver toda equipe reagindo de forma bem tranquila quando ele desistiu do caso dos celulares e consertou a bagunça que fez.


Agora quem reinou, como sempre, foi Marissa. Toda essa situação com Kyle, ou Robert Allen, já tinha tudo para dar errado desde o começo. Depois de ouvir tudo o que aconteceu entre os dois, só pude chegar à conclusão de que o amor é realmente cego. E burro. Eu fiquei com muita pena dela, principalmente em relação ao aluguel do apartamento da mãe. Isso não se faz, sério. Ainda mais perto do Natal.

Mas a reviravolta, ou lacre, como muitos dizem, é que foi magnífica. A começar por ela finalmente ter tido coragem de contar para a equipe sobre tudo o que estava acontecendo, mesmo que JB não estivesse envolvido. Para ser sincera, achei que Benny fosse abraçar ela e a proteger de todo mal, porque ele parece ser bem assim. Danny e Cable também foram maravilhosas ajudando para que o maior momento “turn down for what” da série acontecesse: Morgan ajudando o FBI a prender Allen. A cara dele quando a Marissa tirou o quepe foi impagável. Estou contando os dias para o julgamento.

Depois de uma série de bons episódios de Bull, só tenho a agradecer pela companhia durante esse tempo e desejar um Feliz Natal e um excelente 2018. Nos vemos no próximo ano rindo mais da cara de JB e exaltando a rainha Marissa.

“I can't tell them. I used to be with Homeland Security. A situations analyst. And he played me like a fiddle. And it was all about that passport. He knew, with my connections, I could get it for him. The money was just icing on the cake. So he left his wallet on that bar, knowing I would bring it to him. What a jerk I am.” – Doctor Jason Bull
Reações:

Sobre o Autor

Postar um comentário Blogger

 
Top