Comentários
Lilian Zin Lilian Zin Author
Title: [REVIEW] NCIS - S15E10: DOUBLE DOWN
Author: Lilian Zin
Rating 5 of 5 Des:
 “All parents love their kids no matter what.” – Leroy Jethro Gibbs NCIS tem essa coisa de fazer os episódios de Natal com uma tripl...
 “All parents love their kids no matter what.” – Leroy Jethro Gibbs

NCIS tem essa coisa de fazer os episódios de Natal com uma tripla dose extra de emoção, colocando o “Happy Holidays to the men and women who protect and serve our country at home and abroad” como a cereja no bolo, que sempre tem o mesmo efeito: me levar às lágrimas. Vindo de uma maré de episódios bem escritos e emocionantes, Double Down deu continuidade a essa maré, mostrando mais uma vez que NCIS não perdeu o fôlego mesmo depois de tanto tempo.

Casos natalinos sempre irão trazer alguma relação entre membros de uma família que está um pouco conturbada e, em um milagre de Natal, tudo é resolvido e tudo fica lindo. Clichê? Demais. Porém é aquele cliché que todo mundo gosta e sempre vai se derreter vendo.


O Senador Phillips era realmente uma figura. Desde fazer piadas melhores do que as do comediante que havia sido contratado para entreter as tropas até brigar com Torres para ir logo para casa, ele foi o verdadeiro destaque do episódio. Afinal de contas, ele fez Chet perceber que, por mais “machão” que um pai possa ser, ele ainda ama seu filho, não importando o que aconteça.

Que Nick estaria no protection detail era bem óbvio, mas Sloane tinha me pegado de surpresa, uma vez que ela não é mais agente de campo. Eu quero muito saber o que foi que aconteceu nessa tal de Wingos e o que tinha dentro daquela caixa. Na verdade, eu preciso é de mais desenvolvimento para Jack. Infelizmente Torres não teve tanto espaço para suas gracinhas, mas todas as cenas em que ele estava naquela moto ou então sorrindo compensaram. E muito.


McGee, Bishop e Gibbs trabalhando sozinhos me fez sentir falta de um Very Special Agent. Eu sei que sempre falo que temos que seguir em frente, mas às vezes sinto falta do Tony. E isso só aumentou depois que a Abby chamou o Jimmy de Bob Cratchit, assim como Gibbs e DiNozzo em Homesick (S11E11). Mas voltando a McBishop: senti falta dos dois trabalhando juntos. Parecia realmente como os velhos tempos, com Bishop fazendo o que dava na cabeça, sem se importar muito com o que os outros achariam e McGee reclamando. Os dois brigando por causa dos McTwins foi muito fofo. Só amor por isso <3.

Uma coisa que me incomodou um pouco foi o fato de que nem toda a equipe apareceu no episódio, além de parte dela estar longe, é claro. Quando o episódio natalino era focado em Ducky, todo mundo se envolvia e tudo era lindo. Não que esse também não tenha sido, mas tinha algo faltando ali. Espero que o próximo seja igual aos anteriores: a very Ducklin’ Christmas.

Aproveitando o clima natalino, vou desejar um Feliz Natal e um excelente 2018, cheio de ótimos episódios e uma maravilhosa renovação de NCIS. Nos vemos ano que vem!

P.S.: Gibbs é um ser humano lindo e não existem palavras suficientes para descrever meu amor por ele.
P.S.2: O abraço que ele deu no Nick <3.

“McGee: So why doesn't this feel so good?
Bishop: 'Cause the rest of the family's not home yet.”
Reações:

Sobre o Autor

Postar um comentário Blogger

 
Top