Comentários
Lilian Zin Lilian Zin Author
Title: [REVIEW] S.W.A.T. - S01E05: IMPOSTERS
Author: Lilian Zin
Rating 5 of 5 Des:
 “You know, I've been doing this a while. The cop thing. And you start getting pretty good at figuring out when someone's not tel...
 “You know, I've been doing this a while. The cop thing. And you start getting pretty good at figuring out when someone's not telling you the whole story.” – Chris Alonso

Depois de uma semana regada à doppelgängers no crossover da CW, comecei Imposters achando que teria algo do tipo. Não que fosse ver o Hondo e equipe do mal invadindo as casas, mas que alguma coisa sobre os uniformes ia acabar saindo. Me lembrou até de um filme ou uma série que tem algo do tipo, mas que agora não consigo lembrar exatamente qual era. Mas enfim.

O caso por si só foi muito interessante e levou a reflexão que acaba sendo uma constante nos dias atuais: por que em bairros ricos os casos são resolvidos muito mais rápidos do que em bairros pobres? Esse questionamento que ficou assombrando a Jessica durante o episódio inteiro merecia ter sido discutido com mais detalhes. Pelo menos ter colocado a 50-David para resolver o homicídio em South LA já teria sido melhor do que uma menção no começo e no fim do episódio. Essa poderia ter sido a chance da Jess brilhar por conta própria e, novamente, ficou ofuscada.


Meu desejo foi atendido e Chris teve seu momento nesse episódio. Desde o primeiro episódio já tinha gostado muito mais dela do que da Jessica e, depois de hoje, não tenho dúvidas que ela é a melhor pessoa possível. Vou acabar aumentado o cobertor e colocar ela enrolada junto com Deac e Street para proteger de todo mal, porque o que ela já sofreu não foi fácil. E me faz pensar no quão isso acaba se encaixando na personalidade dela.

Desde o início ela já mostrou que é melhor do que qualquer um deles ali quando o assunto é bater em alguém. Ver ela ensinando Desiree a se defender foi excelente e mostra o quão forte ela é. Talvez se houvesse sido outra pessoa no lugar de Chris, a garota não teria contado o que realmente havia acontecido. Eu realmente só tenho a agradecer aos roteiristas por essas cenas, porque foram muito importantes tanto para o desenvolvimento da personagem quanto para o da série.


Eu não imaginava que equipes da S.W.A.T. também protegiam celebridades. O Bobby que todo mundo odeia realmente era jogador de hockey, no caso o John Scott. E o agente dele não é ninguém menos que o prefeito de Los Angeles. Só isso já tinha sido o suficiente para me deixar bem animada. Aí juntou com o fato de que quem seria a equipe de proteção era Deacon e Luca e de que Deac joga hockey. Foi aí que eu comecei a querer saber os horários de jogos da NHL. Sério gente, eu estou apaixonada nesse homem e não é pouco.

A questão mais importante aqui foi que Bobby realmente é uma mala. Além de ter derrubado o outro cara ilegalmente, palavras do Deacon, ele ainda vai para o bar de esportes cheio de gente que odeia ele, sendo que um dos que estavam o ameaçando de morte até poderia estar ali. Pelo menos ele não seguiu aquele clichê do “fica no carro” que depois sai correndo e faz alguma besteira no meio de uma situação complicada. A participação dele foi bem divertida no meio de um episódio bem tenso. E também porque ver Luca e Deacon brigando no bar valeu pelo episódio todo. Coisa maravilhosa.

P.S.: Agora tem o David Lim na abertura. Tudo está certo no mundo <3

“When I was 15 some guys grabbed me while I was going to the gas station to get cheese puffs. And I love cheese puffs. They, uh they were the East Valley Pasas, and they thought I was this other girl who was dating the head of the Sirois Street Mafia. They had me tied up for hours before they figured out I wasn't her. Hours under their control. And I was really scared for a long time after that. Scared to go to the store. Scared about everything. And I was really mad at myself for not getting over it. I just kept saying it. I just kept saying it in my head, ‘Just-just-just get over it’ and I figured out I didn't have to get over it if I could just look it in the face and-and then control it, instead of letting it control me.” – Chris Alonso
Reações:

Sobre o Autor

Postar um comentário Blogger

 
Top