Comentários
Lilian Zin Lilian Zin Author
Title: [REVIEW] NCIS - S15E11: HIGH TIDE
Author: Lilian Zin
Rating 5 of 5 Des:
 “That's how I'd do it. Not that I ever would.” – Nicholas Torres Tinha um bom tempo que eu ficava sem palavras para descreve...
 “That's how I'd do it. Not that I ever would.” – Nicholas Torres

Tinha um bom tempo que eu ficava sem palavras para descrever um episódio de NCIS. Apesar de, no geral, High Tide ter sido muito bom, eu tenho uma imensa reclamação que ficou se arrastando pelo episódio inteiro: Nick e Bishop.

Eu sei que o ponto principal do episódio era o trabalho disfarçado, mas os dois roubaram a cena não só por isso. Meu maior medo era de que alguma coisa acontecesse entre os dois. Eu sei que eles estavam disfarçados como namorados e tal, mas a cara do Torres no final do episódio não me enganou. Mesmo nos últimos anos as regras do Gibbs terem caído um pouquinho no esquecimento dos roteiristas, a #12 está aí para evitar desastres, como teria sido caso Tiva tivesse acontecido. Pelo menos a meu ver algumas coisas deveriam ficar como estão.


Uma coisa boa nesse episódio foi ter visto as incríveis habilidades de disfarce de Nick irem todas por água a baixo. Eu amo o personagem, mas que ele estava insuportável, isso ele estava. Me peguei torcendo para que alguém acertasse a cara dele para que ele pudesse abaixar um pouco a bola. Se Torres tivesse ouvido a Bishop, tudo teria funcionado perfeitamente e ele teria evitado as broncas dadas por Gibbs e Vance.

Antes de falar da Ellie, tenho que mencionar que não sabia que sentia tanta falta da dinâmica de Jethro e Leon. Os dois estavam ótimos, ainda mais quando eles elogiaram Bishop. O crédito por toda a operação é dela, com todos os méritos possíveis, porque saber analisar toda a situação e agir de forma extremamente cuidadosa não é para qualquer um. Já tinha um bom tempo que ela estava precisando de um destaque para suas habilidades analíticas, então acho que, apesar de os roteiristas quererem investir em Ellick, o episódio foi uma vitória.


Quem finalmente deu o ar da graça e tornou minha manhã melhor foi Reeves. Os roteiristas tinham que entender que ele é um ótimo personagem e que merece estar em todos os episódios, assim como os outros. Ele é esforçado, trabalhou maravilhosamente com o McGee e ainda tem aquele sotaque incrível. Sério, ultimamente qualquer um trabalhando co Tim está maravilhoso. Só sinto falta de McAbby. Quero muitas cenas dos dois juntos, principalmente com os McTwins.

As poucas cenas em que Abby apareceu foram o alívio que o episódio precisava. Jimmy apareceu menos ainda, o que me faz desejar urgentemente por um episódio focado nele. Agora dona Jack é que arrasa e não se cansa disso. Tanto ao analisar Vance quanto ao conseguir o acordo com a menina, Sloane vem se mostrando uma personagem com um ótimo futuro pela frente. Bishop que não abra o olho, ou então a psicóloga pega o lugar dela na ordem de minhas personagens favoritas.

P.S.: Saudades Ducky <3;
P.S.2: Queria ter visto o que Gibbs fez no interrogatório;
P.S.3: Necessito logo de uma continuação daquele bendito cliffhanger que foi deixado em Burden of Proof (S15E07).

“Unbelievable. I bring down an entire drug ring and all I get is a promotion to Special Agent Gopher.” – Nicholas Torres
Reações:

Sobre o Autor

Postar um comentário Blogger

 
Top