Comentários
Lilian Zin Lilian Zin Author
Title: [REVIEW] NCIS - S15E20: SIGHT UNSEEN
Author: Lilian Zin
Rating 5 of 5 Des:
 “Thank you. For believing in me.” – Annie Barth 350 STRONG! Tem horas que eu paro e realmente fico pensando: será que NCIS chego...
 “Thank you. For believing in me.” – Annie Barth

350 STRONG!

Tem horas que eu paro e realmente fico pensando: será que NCIS chegou tão longe assim mesmo ou é só uma ilusão? Sim, chegou e vai chegar, pelo menos, até os 378 episódios. E eu estou extremamente feliz com isso. Apesar de, é claro, saber que 26 deles não terão a Abby, mas isso é algo para lidar depois.

Geralmente episódios que atingiam a marca dos “n50” tinham alguma coisa a ver com Tony, sempre trazendo Senior para abrilhantar tudo. Mas terem dado um pouco mais de foco para Nick foi uma escolha bem sábia, e, analisando o contexto em que foi apresentado, bem necessário. Não me entendam mal: eu amo o personagem. Muito. Mas tem horas que Nick é uma péssima pessoa e merece receber um puxão de orelha para mudar suas atitudes.


Foi bom ver como Nick tem alguns preconceitos com algumas situações. Não entender muito bem como é a vida de uma pessoa cega, além de achar que elas não podem fazer nada sem ajuda de alguém acaba sendo, infelizmente, algo extremamente comum. Mas Annie mostrou o completo oposto disso, provando que ela consegue fazer tudo – e um pouco mais – e que não é a falta de visão que pararia ela. Ver a forma como Nick foi se convencendo ao longo do tempo que passava com ela, aprendendo um pouco melhor sobre tudo me mostrou, mais uma vez, que a escolha de terem colocado o personagem na série foi certeira.

O caso foi interessante, mas eu já imaginava quem estava por trás de tudo desde o começo. E quando digo o começo, foi realmente o começo, nos primeiros minutos do episódio. Mas nem por isso o episódio foi menos do que ótimo. Acho que, na maior parte, foi realmente por causa de Annie. Ela deu um show a parte e foi realmente lindo ver como tudo o que ela fazia trazia um sentido imenso e como foi importante ver tudo aquilo.


Minha missão ultimamente anda sendo amar Abby incondicionalmente e apreciar cada momento dela, porque eu realmente vou sentir muita falta da personagem. A técnica que ela usou, tirando toda a umidade da sala para poder fazer o celular funcionar foi realmente uma coisa muito interessante, complicada, mas interessante. E toda a interação entre ela e Reeves ou ela e Jimmy só me fazem sentir cada vez mais saudades antecipadas de Sciuto. Afinal de contas, só temos mais dois episódios com ela.

Bishop e Nick são duas coisinhas bem toscas e extremamente ciumentas. Não entendi ainda porque não deixam o orgulho de lado e admitem logo que gostam um do outro. Tem horas que tá ficando um pouquinho irritante isso tudo. Mas engraçado. Sloane arrumou a melhor suspect line possível. Fiquei esperando uma reviravolta imensa e Annie falar que Jimmy tinha sido o culpado. Ia ter sido muito engraçado. Ando amando Vance aparecendo um pouco mais. Eu realmente sinto falta dele. Não tanto quando do Ducky.

P.S.: Gibbs sorrindo é a coisa mais linda que poderia acontecer <3

“I don't even apologize. I don't know why I'm doing it now.” – Nicolas Torres
Reações:

Sobre o Autor

Postar um comentário Blogger

 
Top