Comentários
Lilian Zin Lilian Zin Author
Title: [REVIEW] BULL - S03E07: A GIRL WITHOUT FEELINGS
Author: Lilian Zin
Rating 5 of 5 Des:
  “Reasonable doubt. You look it up in the dictionary, and there'd be a picture of all of us sitting here today. There'd also be ...
 “Reasonable doubt. You look it up in the dictionary, and there'd be a picture of all of us sitting here today. There'd also be a definition. Something along the lines of "Lack of proof "that prevents a judge or a jury "from convicting a defendant for the charged crime" “ – Benjamin Colón

Fui bem trouxa de achar que JB ia mudar completamente depois do final da temporada passada. Do jeito que deu a entender, jamais ele pegaria outro caso pessoal para ele. E quando digo pessoal não é um “porque a Cable morreu” ou “porque o marido da Marissa é inocente”, mas sim um “porque a pessoa tem todas as características de uma possível assassina, incluindo não demonstrar remorso, mas por ela ser minha antiga paciente eu acredito que ela não matou o irmão”. Tive bastante dúvidas em relação a esse caso, mas eu não posso negar que gostei.

Mas o resultado, de haver possibilidade de o melhor amigo de Torin ser o culpado foi algo que nem tinha passado pela minha cabeça. Eu só imaginava que eles conseguiriam inocentar Tally e JB acabaria aceitando ver ela algumas vezes também. Errei 2/2, mas pelo menos não fiquei desapontada com a forma que tudo foi resolvido.


Jason é um amor de pessoa. Por mais que ele não queira aceitar, ele é um neném que se importa demais com os outros. Ver a preocupação dele com Tally, inclusive parando tudo para ajudar ela, me fez ver o quão grande é o coração dele. E foi bom ver que, por mais que tudo estivesse apontando para ela, a equipe acabou aceitando trabalhar no caso.

Ver Chunk se impondo, dizendo o que pensava, foi lindo demais. Especialmente considerando que ele tem pouco espaço nas decisões e até mesmo no geral. Bull ouvindo a tudo sem interromper em momento nenhum e agindo normalmente depois do que Palmer disse foi um nível de evolução pessoal que eu não esperava dele. Nisso eu tenho que admitir que foi uma surpresa muito agradável.


Eu já sabia que Danny ia acabar com Gabriel. No início achei que ele ia acabar sendo como uma muleta para ela, mas claramente não é o que ela quer. Se eles vão acabar tendo algum relacionamento além de dormir um com o outro e comer em algum lugar que ele vai falar em espanhol e sempre pagar com dinheiro eu não sei. Porém gostei dos dois juntos. Ela tem mais química com ele do que com qualquer outro relacionamento que ela teve até aqui.

O restante da equipe teve seus momentos, com Taylor e Danny trabalhando muito bem juntas, Marissa sendo a rainha de sempre e Benny o usual pitbull, jogando as iscas para a acusação morder. Apesar de ter mais cenas em que o quadro do júri aparecia, eu senti fala foi do voir dire. Eu sei que é meio bobo, mas é uma das coisas que eu acho mais interessantes na série toda e quando não tem isso no episódio, acabo sentindo que tem algo faltando na história.

P.S.: Bom ver que JB está colocando aquela esteira para bom uso.

“Can I throw a crazy idea out there? Are we missing the obvious? And if we weren't representing her, wouldn't she be our number-one suspect? It's all there, Bull: means, motive and opportunity. Are you sure really sure that Tally didn't do it? And if you stop for a second to consider that maybe you think she's innocent just because you want her to be innocent. You keep saying that she couldn't have done this. And that even if she did do it, she never would've reversed course to try to save him, because that requires empathy, and she doesn't have that. But maybe she tried to stop the bleeding to save herself. Maybe she regretted what she'd done because she didn't want to get caught.” – Chunk Palmer
Reações:

Sobre o Autor

Postar um comentário Blogger

 
Top