Comentários
Lilian Zin Lilian Zin Author
Title: [REVIEW] BULL - S03E13: PRIOR BAD ACTS E S03E14: LEAVE IT ALL BEHIND
Author: Lilian Zin
Rating 5 of 5 Des:
“How many times are you allowed to leave a message without getting an answer before you move from concerned acquaintance to potential pre...
“How many times are you allowed to leave a message without getting an answer before you move from concerned acquaintance to potential predator?” – Doctor Jason Bull

Os roteiristas de Bull realmente precisam parar e pensar muito bem no que eles estão fazendo com a série, porque a coisa não está boa. Os dois últimos episódios ficaram parecendo um esforço para tentar colocar a série de volta aos eixos, mas Prior Bad Acts jogou tudo pelos ares e é por isso que decidi fazer review dupla, ou até tripla, porque ultimamente tenho mais o que reclamar do que qualquer outra coisa.

O caso até foi interessante, mas lá pela metade do episódio eu parei de prestar atenção. Primeiro porque já tinha sido revelado como o homem tinha sido assassinado e segundo porque já sabia, desde o começo, quem era a culpada. Os roteiristas não souberam nem disfarçar!


Mas o pior de tudo foi o pouco caso que fizeram com Benny. A partir do momento que ele falou que tinha perdido o pai, já pensei que teria um bom desenvolvimento, falando sobre a relação que eles tinham. Mas não. A morte do patriarca só serviu de trampolim para fazer Bull ficar com Izzie, que se casou tem pouco tempo, por sinal. Além disso, ele ainda tem uma coisa com a Diana, e eu achei ridículo o que foi feito. Sério, Jason e Izzie não fazem bem um para o outro, mas os roteiristas insistem em empurrar isso. E o pior: sem Benny ter a menor ideia. Sério, Colón tinha era que dar um na cara de Bull.

Leave It All Behind foi uma melhora considerável, porque pelo menos me fez ficar prestando atenção de verdade no episódio, além de não ter sido tão óbvio na hora de apontar os possíveis suspeitos. Vou confessar que, em alguns momentos, cheguei a achar que a vítima é que estava por trás de tudo, fingindo sua morte para que o marido pagasse pela traição, mas estava 100% enganada.


E aí foi isso. O caso foi interessante, mas só isso também. Ah, e o fato de eliminarem os jurados por acreditarem em fantasma. Essa explicação eu gostei. Mas o resto foi um pouco abaixo. Claro, não é sempre que vamos Jason pedindo desculpas para alguém, e isso foi extremamente válido, considerando que ele estava voltando a ser o antigo e arrogante Jason.

Os outros personagens até que apareceram um pouco mais, principalmente Taylor. Mas desenvolvimento que é bom, nada. Eu sei que o que importa na série são os casos, mas se tem outros personagens além de Jason, eles têm que ser trabalhados.

“Did I even say "come in"? Can't a man wallow in self-pity without his employees barging in and pelting him with hope? People take all the fun out of feeling bad.” – Doctor Jason Bull
Reações:

Sobre o Autor

Postar um comentário Blogger

 
Top