Comentários
Jéssica Ohara Jéssica Ohara Author
Title: SERPENTÁRIO: O PASSADO QUE PERSEGUE
Author: Jéssica Ohara
Rating 5 of 5 Des:
Todo ano, Caroline, Mariana e Hélio costumavam deixar a capital paulista para encontrar Paulo, um jovem habituado à simples vida c...



Todo ano, Caroline, Mariana e Hélio costumavam deixar a capital paulista para encontrar Paulo, um jovem habituado à simples vida caiçara. No entanto, a amizade construída nas areias do litoral sofreu abalos sísmicos no Réveillon de 1999, quando algo tão inquietante quanto o bug do milênio abriu caminho para uma misteriosa ilha que despontava no horizonte, e explorá-la talvez não tenha sido a melhor decisão.

Sobreviver à Ilha das Cobras tem um preço. O arquipélago é um ambiente hostil, tomado por víboras, e esconde segredos tão perturbadores quanto seus habitantes. Mais do que um equívoco darwiniano ou uma lenda popular, a ilha praticamente destruiu a vida deles. Entre memórias e fatos fragmentados, o que aconteceu naquela fatídica noite se tornou um mistério. Mas de algumas coisas eles se lembram perfeitamente: uma enorme e ameaçadora serpente, além de uma pessoa sendo entregue ao ninho da víbora, um sacrifício sem chance de recusa.

Anos depois, Caroline é confrontada com um de seus piores pesadelos: a pessoa que eles abandonaram está viva. Um fantasma do passado que surge para fazer suas certezas caírem por terra. Então, ela decide reunir os amigos para entender o que aconteceu. E talvez o encontro seja parte de algo maior... e maligno. Em Serpentário, Felipe Castilho mostra todo o seu talento ao mesclar referências do folclore e da mitologia a elementos da cultura pop, da ficção científica e do horror.

Acompanhar e fuxicar o Goodreads é uma das coisas que eu mais gosto de fazer e colabora bastante ter um monte de amigo lá que lê bons livros. Quando vi que um amigo meu marcou de ler Serpentário, já fui dar uma olhada na sinopse e amei. Ainda mais quando percebi que era um título brasileiro. Fantasia nacional? Tô dentro!

A história gira ao redor de quatro amigos: Caroline, Mariana, Hélio e Paula. Mas a narração é pelo ponto de vista, na sua maior parte, da Caroline. No passado, os quatro adolescente foram explorar uma ilha misteriosa e nesse lugar ocorreu uma catástrofe que mudou a vida de todos. O formato do livro me atraiu bastante, Felipe mescla fragmentos da história no passado e no futuro(dos personagens principais e de pessoas que nós nem sabemos quem é).

Nesse sentido, a escrita é bem dinâmica, nos levando a várias possibilidades de significados para o que estava acontecendo com os personagens. Pra mim, foi super legal como eu consegui me lembrar da lenda do Boitatá e outras histórias folclóricas sobre cobras. Um fenômeno de associação que não é só brasileiro, mas latino-americano quase como um todo.

A única coisa que me incomodou foi uma certa ingenuidade do Felipe na construção dos personagens, eram arquétipos muito bem marcados, com algumas personalidades chegando a ser rasas. Isso me deixou chateada durante a leitura, exatamente porque os contos paralelos eram muito melhores trabalhados, com personagens que apesar de só aparecerem em duas páginas já impressionavam.

Foi uma leitura boa e que me deu vontade de acompanhar mais da carreira do Felipe, esse é um escritor que com certeza está destinado a alçar muitos vôos pela literatura.

 AUTOR(A): Felipe Castilho
PÁGINAS: 290
EDITORA: Intrínseca
LANÇAMENTO: 2019
ONDE COMPRAR: Aqui


Reações:

Sobre o Autor

Postar um comentário Blogger

 
Top